Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação entre microRNA circulantes, biomarcadores cardiometabólicos e dieta em indivíduos adultos participantes de um estudo de base populacional - ISA-Capital

Processo: 19/22934-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 30 de junho de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Bioquímica da Nutrição
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marcelo Macedo Rogero
Beneficiário:Paula Nascimento Brandão Lima
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/05125-7 - Estilo de vida, marcadores bioquímicos e genéticos como fatores de risco cardiometabólico: inquérito de saúde na cidade de São Paulo, AP.TEM
Assunto(s):Síndrome metabólica   Dieta   Doenças não transmissíveis   MicroRNA circulante   Biomarcadores

Resumo

MicroRNA são RNA de fita simples, não codificadores, que podem atuar de forma autócrina, parácrina e endócrina na regulação de vias metabólicas relacionadas ao desenvolvimento de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT). Além disso, microRNA atuam como potenciais biomarcadores de DCNT, uma vez que o padrão de expressão plasmático de microRNA pode ser alterado de acordo com o estado de saúde e estilo de vida do indivíduo. Diante do exposto, o projeto em tela tem como objetivo avaliar o perfil de expressão de microRNA no plasma e verificar a sua relação com biomarcadores cardiometabólicos e a dieta em indivíduos adultos participantes de um estudo de base populacional. Para isso, será desenvolvido um estudo de delineamento transversal, com subamostra de 200 indivíduos adultos, com idade de 20 a 59 anos, participantes do estudo Isa-capital realizado em São Paulo, no ano de 2015. Será avaliado o perfil de expressão no plasma de 22 microRNA relacionados ao metabolismo glicêmico e lipídico, à adiposidade e à resposta inflamatória. Em conjunto, será realizada a determinação de biomarcadores inflamatórios [interleucina (IL)-1B, IL-6, IL-10, fator de necrose tumoral alfa, proteína quimiotática para monócitos 1, inibidor do ativador do plasminogênio 1, proteína C reativa, adiponectina, leptina e moléculas de adesão solúveis intercelular 1 e vascular 1]. Serão utilizados ainda dados referentes as medidas antropométricas (peso, estatura e circunferência de cintura); de pressão arterial sistêmica; dieta (dois recordatórios de 24 horas); e marcadores glicêmicos (glicemia em jejum e insulina plasmática) e lipídicos (colesterol, LDL-c, HDL-c e VLDL-c e triacilglicerol) desses indivíduos. Os resultados serão expressos em medidas de tendência central e de dispersão ou na forma de porcentagem e intervalo de confiança de 95%. A distribuição dos dados será verificada por meio do teste de Kolmogorov Smirnov e os testes subsequentes escolhidos em consonância. A relação entre as variáveis de interesse será verificada por meio de análises multivariadas. Valores de p < 0,05 serão considerados estatisticamente significativos. Com a execução do projeto busca-se ampliar os conhecimentos acerca da utilização de microRNA como biomarcadores para DCNT, aperfeiçoando assim os processos de redução do risco e tratamento dessas doenças. (AU)