Busca avançada
Ano de início
Entree

Resinas compostas à base de S-PRG: caracterização estrutural e desempenho frente ao desafio erosivo

Processo: 19/25685-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Linda Wang
Beneficiário:Leonardo Masiero Fogaça
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística   Materiais dentários   Resinas compostas   Erosão dentária   Caracterização estrutural   Estabilidade de cor   Microdureza   Propriedades mecânicas   Espectroscopia

Resumo

O desgaste dentário erosivo (DDE) é uma realidade cada vez mais prevalente na sociedade moderna e a sua progressão acomete a integridade das estruturas dentárias. A região cervical é uma das áreas mais atingidas, compondo uma das lesões cervicais não cariosas (LCNC) e por ter menor espessura, pode demandar uma intervenção restauradora. Para sua restauração, o material precisa apresentar propriedades mecânicas mais similares ao comportamento biomecânico da dentina e se mostrar resistente aos novos desafios ácidos. Não há um consenso sobre um material ideal, mas o cimento de ionômero de vidro modificado por resina (CIVMR) tem sido considerado o padrão restaurador. Entretanto, apesar de serem considerados produtos bioativos, que também estimulam respostas biológicas à estrutura dentária, apresenta menor resistência ao desgaste. Frente ao constante desafio ácido nos casos de DDE pode ter sua longevidade clínica comprometida. Diante desse cenário, as resinas compostas, de consistência regular ou fluída, se modernizaram e podem também apresentar características de bioatividade, como é o caso dos produtos à base da tecnologia multi-iônica S-PRG. Sendo materiais resinosos, apresentam melhores propriedades mecânicas e melhor estética comparativamente aos CIVMR. Diante disso, o objetivo desse estudo é caracterizar estruturalmente e avaliar o desempenho de materiais restauradores: CIVMR - Vitremer, resinas compostas com tecnologia S-PRG, regulares (Beautifil II - RCB, Beautifil II LS - BLS, Beautifil Bulk Restorative - BBR) e fluídas (Beautifil Flow Plus F00 - RCF, Beautifil Bulk Flowable - BBF) frente ao desafio erosivo. Para isso, serão conduzidas as análises de estabilidade de cor, microdureza e espectroscopia de energia dispersiva (EDS) antes e após o desafio erosivo em suco de laranja (3 ciclos diários/5 min/ 5 dias) e, adicionalmente, grau de conversão por meio da espectroscopia de infravermelho por transformada de Fourier (FTIR) de todos os materiais restauradores estudados. Para cada teste, a análise estatística dos dados coletados, se houver distribuição normal, será realizado com os testes de ANOVA a 2 critérios e Tukey (p<0,05). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)