Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção e caracterização de pós de polpa de casca de jabuticaba obtidos por liofilização

Processo: 19/26137-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2020
Vigência (Término): 31 de março de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Matheus Boeira Braga
Beneficiário:Milena da Silva Moura
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Processos industriais   Liofilização   Secagem   Jabuticaba   Trealose   Antocianinas   Flavonoides   Propriedades físico-químicas   Análise térmica

Resumo

A jabuticabeira é uma planta nativa do Brasil, ocorrendo predominantemente no Bioma Mata Atlântica. Os frutos provenientes da jabuticabeira são caracterizados como bagas globosas unidas ao caule daárvore, podendo ser consumidos in natura ou processados industrialmente. A casca do fruto é grossa, de sabor adstringente e cor escura, apresentando um potencial de utilização como corante natural devidoàs altas concentrações de antocianinas. Estes flavonóides são responsáveis pela coloração de diversasfrutas, flores e grãos e apresentam propriedades antioxidantes e capacidade de combater doenças inflamatórias e células cancerígenas. A jabuticaba in natura é altamente perecível e a concentração deantocianinas presente na casca do fruto é susceptível às condições de armazenamento e ao tempo entre a colheita e o consumo. Portanto, a aplicação de técnicas que aumentem a vida de prateleira do fruto ou partes dele (como a polpa da casca), é de grande interesse. Neste contexto, destaca-se o processo deliofilização ou freeze-drying, indicado para secagem de materiais termo sensíveis. O amido modificado e a trealose apresentam vantagens tecnológicas ao serem utilizados como materiais de parede, auxiliando na formação do material particulado, aumentando a estabilidade e auxiliando na preservação de compostos de interesse presentes no produto. Diante do exposto, propõe-se a obtenção de polpa de casca de jabuticaba em pó por liofilização, empregando como material de parede o amido modificado ea trealose e misturas destes adjuvantes. As melhores formulações serão determinadas a partir das caracterizações físicas e físico-químicas dos pós, dentre estas a concentração de antocianinas. Propõe-se também a realização de análises térmicas dos pós via DSC. (AU)