Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação fenotípica e genotípica de metalo-beta-lactamases em cepas de Pseudomonas aeruginosa resistente aos carbapenêmicos

Processo: 19/21361-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Carlos Henrique Camargo
Beneficiário:Alessandro Marques dos Santos
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Bacteriologia   Assistência à saúde   Anti-infecciosos   Metalo-beta-lactamases   Enzimas   Carbapenêmicos   Pseudomonas aeruginosa   Penicilinas   Técnicas investigativas

Resumo

As infecções causadas por micro-organismos resistentes a múltiplos antimicrobianos(MDR) cresceram exponencialmente nos últimos anos.O aparecimento de cepas de Pseudomonas aeruginosa resistentes a antibióticos da família dos beta-lactâmicos e em especial os carbapenêmicos tem gerado um alto índice de infecções relacionadas á assistência á saúde (IRAS), gerando um problema de saúde pública que acarreta em diversos casos de morbidade e mortalidade em pacientes imunodeprimidos. As cepas de Pseudomonas aeruginosas resistentes desenvolveram diversos mecanismos de defesas contra os carbapenêmicos. Mecanismos como a hiperexpressão de sistemas de efluxo, alteração da permeabilidade da membrana e a síntese de proteínas ligadoras de penicilina, podendo apresentar todos os mecanismos juntos em um único indivíduo.