Busca avançada
Ano de início
Entree

Interfaces entre mobilidade urbana, hidrologia e questões de saúde pública

Processo: 19/18294-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 30 de junho de 2021
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Luciana de Resende Londe
Beneficiário:Davi Gonçalves Sanches
Instituição-sede: Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Nacionais (CEMADEN). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Cachoeira Paulista , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde pública   Hidrologia urbana   Problemas sociais   Resiliência psicológica   Mobilidade urbana   Desastres   Inundações   Infraestrutura de transportes   Análise socioambiental

Resumo

As pesquisas interdisciplinares se consolidam como uma abordagem sensata de problemas sociais modernos que se inter-relacionam, concernentes a áreas como saúde ambiental, saúde pública, transporte, mobilidade urbana, vulnerabilidade e ciência dos desastres. Entre as várias relações existentes estão: o fluxo de pessoas (informação de mobilidade urbana) pode ajudar a estimar a exposição dinâmica a desastres e o risco de proliferação de doenças transmissíveis, como Dengue, Zica e Chicungunha. Este projeto propõe uma análise conceitual que possa embasar a discussão multidisciplinar que esta abordagem demanda, explorando conceitos como susceptibilidade, receptividade, vulnerabilidade e resiliência, e ferramentas como modelagem conceitual, matemática e geoprocessamento. O município de São José dos Campos, no interior de São Paulo, será o estudo de caso desta pesquisa. Localizado entre grandes centros financeiros, industriais e turísticos, apresenta um grande fluxo de pessoas diariamente, o que o coloca como uma área bastante sujeita a novas epidemias e aos impactos destas sobre o gerenciamento das políticas públicas de saúde no município. Esta pesquisa prentende explorar estas conexões, apoiando-se em esforços acadêmicos já realizados para compreensão de epidemias como as de Dengue e adicionando outros fatores à análise, como a mobilidade urbana, a infraestrutura de transportes e os riscos de desastres, propondo novos olhares sobre as políticas públicas de mitigação das ocorrências e recorrências de desastres e de agravos no município.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROCHA, GUILHERME CONCEICAO; PAIVA, HENRIQUE MOHALLEM; SANCHES, DAVI GONCALVES; FIKS, DANIEL; CASTRO, RAFAEL MARTINS; ALVARENGA E SILVA, LUCAS FERNANDO. Information system for epidemic control: a computational solution addressing successful experiences and main challenges. LIBRARY HI TECH, MAR 2021. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.