Busca avançada
Ano de início
Entree

Propriedades fotoquímicas e fotofísicas de corantes fenotiazínicos na interface de nanopartículas metálicas

Processo: 19/26919-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 31 de outubro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Iseli Lourenço Nantes Cardoso
Beneficiário:Victor Hladkyi Toledo
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/02317-2 - Interfaces em materiais: propriedades eletrônicas, magnéticas, estruturais e de transporte, AP.TEM
Assunto(s):Nanotecnologia   Fotoquímica   Fotofísica   Corantes   Azul de metileno   Ressonância paramagnética   Espectroscopia de impedância eletroquímica

Resumo

O azul de metileno e outros corantes tiazínicos tem relevância em uma diversidade de aplicações que abrangem a área biológica, de materiais, de bioeletrônica e de energia. Estudos prévios e, em andamento em nosso laboratório tem demonstrado que os estados agregados de compostos tiazínicos adquirem a propriedade de estabilizar as espécies radicalares geradas fotoquimicamente. No caso do azul de metileno, a estabilização da forma leuco quando o corante é agregado em resina e em matriz de colágeno, permite seu uso como agente redutor para a síntese de nanopartículas de ouro. No caso de fenotiazinas, os estados agregados estabilizam o par cátion radical/forma reduzida gerados fotoquimicamente de tal modo que cada uma das espécies pode ser utilizada cataliticamente como agentes oxidantes e redutores, respectivamente. Outro aspecto interessante sobre os compostos tiazínicos é a formação de diferentes tipos de agregados, os do tipo J e H, que possuem propriedades luminescentes específicas. Mais recentemente as aplicações das fenotiazinas em energia ficaram evidenciadas pela capacidade da transferência de buracos (h) de fenotiazinas para compostos aromáticos conjugados. No presente projeto, temos como objetivo caracterizar as propriedades dos estados agregados de moléculas tiazínicas em diferentes tipos de nanoestruturas de ouro, ou seja, nanopartículas esféricas de diâmetro maior, igual e menor do que 10 nm, nanopartículas anisotrópicas do tipo ouriço, nanoplates e nanobastões de ouro. As moléculas de fenotiazinas a serem estudas em combinação com as nanoestruturas de ouro serão o azul de metileno, o núcleo fenotiazínico (PHT), a fenoanilina e os antipsicóticos tioridazina, flufenazina e trifluperazina. Os estados agregados serão investigados por espectroscopia UV-visível e FTIR-ATR, dicroísmo circular e XPS. As propriedades fotofísicas serão investigadas por ressonância paramagnética do elétron (EPR) e SQUID. As propriedades fotoquímicas serão investigadas por espectroeletroquímica. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GABRIEL G. DE TOLEDO; VICTOR H. TOLEDO; ALEXANDRE J.C. LANFREDI; MARCIA ESCOTE; ANA CHAMPI; MARIA CRISTINA C. DA SILVA; ISELI L. NANTES-CARDOSO. Promising Nanostructured Materials against Enveloped Virus. Anais da Academia Brasileira de Ciências, v. 92, n. 4, p. -, 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.