Busca avançada
Ano de início
Entree

Filamentos eletricamente condutores incorporando nanomateriais e aplicações em eletrônica têxtil

Processo: 20/03768-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Renata Cristiano Nome
Beneficiário:Renata Cristiano Nome
Empresa:AG Têxtil Eireli
CNAE: Acabamentos em fios, tecidos e artefatos têxteis
Vinculado ao auxílio:19/10547-3 - Filamentos eletricamente condutores incorporando nanomateriais e aplicações em eletrônica têxtil, AP.PIPE
Assunto(s):Processos de fabricação   Fabricação (microeletrônica)   Materiais nanoestruturados   Eletrônica industrial   Tecidos (indústria têxtil)   Tecnologia têxtil   Internet das coisas   Computação vestível

Resumo

A eletrônica têxtil (e-têxtil) é um avanço da eletrônica vestível e pressupõe a integração e fabricação de dispositivos eletrônicos diretamente nas roupas ou objetos têxteis do nosso dia-a-dia, conferindo a eles novas funcionalidades. Essa área está intimamente ligada a Internet das Coisas (IoT) e computação pervasiva. No entanto, a convergência entre eletrônica e têxteis é particularmente desafiadora pois deve ocorrer de maneira natural e não intrusiva para ser aceita pelos usuários. Ou seja, o produto final deve parecer mais como um tecido do que com um hardware. Assim, a criação de circuitos eletrônicos e caminhos condutores através de técnicas de costura e bordado usando fios têxteis condutores é vista como essencial para o avanço da e-têxtil. Este projeto está relacionado à convergência entre eletrônica e a tecnologia têxtil e, busca a produção de filamentos inteligentes eletrocondutores. Esses filamentos podem ser utilizados em circuitos via bordado ou costura na criação de superfície sensível ao toque para interface com usuário e transmissão de sinal na construção de Sistemas Eletrônicos sobre Tecidos (SoT). O objetivo é resignificar roupas e objetos têxteis acrescentando a eles novas funcionalidades e conectividade. Durante o PIPE fase I, desenvolvemos processos de nanotingimento que convertem fios e fibras sintéticas e naturais em suas versões eletricamente condutoras, a partir de formulações especiais de nanotubos de carbono e nanofios de prata (AgNW). O objetivo central da fase II do projeto é aumentar a escala de produção desses filamentos, visando aplicações em eletrônica têxtil e eletrônica vestível. Os filamentos serão fabricados em escala piloto e deverão possuir uma baixa resistência elétrica, grande uniformidade e elevada estabilidade mecânica e elétrica. Em paralelo serão desenvolvidos produtos integrando as superfícies têxteis sensíveis ao toque, demonstradas na fase I do projeto, em produtos de moda e decoração. (AU)