Busca avançada
Ano de início
Entree

As perspectivas da pesquisa em ensino de Ciências na educação de pessoas jovens e adultas em artigos científicos de periódicos brasileiros (Qualis a)

Processo: 19/24258-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Anselmo João Calzolari Neto
Beneficiário:Maria Júlia Freire
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Educação de jovens e adultos   Ensino de ciências   Dialogismo   Literacia científica   Artigo científico   Pesquisa bibliográfica   Análise do discurso

Resumo

No Brasil, a Educação de Pessoas Jovens e Adultas (EPJA) foi conquistada através de movimentos sociais de resistência e de ações governamentais. Um panorama do conhecimento produzido sobre a EPJA revelou que o Ensino das Ciências da Natureza (Biologia, Física, Geologia e Química), seja em dissertações e teses ou em encontros de pesquisadores como o ENPEC, para esta modalidade de ensino é área pouco pesquisada. Entendendo que a apropriação do conhecimento científico é emancipadora na atual conjuntura social e que a EPJA tem como caráter a garantia de direitos e ampliação da cidadania, o objetivo geral deste trabalho é evidenciar perspectivas quantitativas e qualitativas para conceber a relação do Ensino de Ciências na Educação de Pessoas Jovens e Adultas a partir de artigos científicos publicados no período de 1979-2019 em periódicos Qualis A no contexto brasileiro e a partir disso vislumbrar possibilidades de ações. Utilizaremos como modalidade a pesquisa bibliográfica a partir da exploração em revistas brasileiras de Ensino de Ciências com Qualis A1 e A2 na avaliação do quadriênio 2013-2016, compreendendo o período de 1979 a 2019. Nesta amostra, buscaremos por trabalhos que abordem a EPJA. Selecionaremos os trabalhos que fazem referência à: educação de adultos, educação de jovens e adultos, educação de pessoas jovens e adultas, PROEJA, EPJA ou à EJA nos títulos, resumos e/ou palavras-chave. A análise dos resultados será realizada utilizando o método de análise textual discursiva, considerando os referenciais teóricos de Aprendizagem Dialógica e Alfabetização Científica. (AU)