Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do conteúdo mineral do esmalte dental após aplicação de luz LED violeta associado ou não ao peróxido de hidrogênio 35%

Processo: 19/25439-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 30 de junho de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Renata Siqueira Scatolin
Beneficiário:Weslley Felipe Pin
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Gradução. Centro Universitário Hermínio Ometto (UNIARARAS). Fundação Hermínio Ometto (FHO). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Materiais dentários   Clareamento de dente   Esmalte dentário   LED   Peróxido de hidrogênio   Microdureza   Espectrometria   Microscopia eletrônica de varredura

Resumo

A crescente demanda por procedimentos estéticos nos dias atuais, em específico o clareamento dental, resulta na busca por novas tecnologias, visando alcançar melhores resultados com o mínimo de efeito adverso possível. Entre os diversos mecanismos com essa finalidade, se encontra a luz LED violeta, porém, ainda são poucos os estudos que avaliaram seus efeitos sobre a estrutura dental. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho será de analisar a microdureza do esmalte dental submetido ao clareamento com luz LED violeta, associado ou não ao gel de peróxido de hidrogênio35%, além de quantificar a presença de minerais (cálcio e fósforo) na estrutura dental, através da análise de Energia Dispersiva por Espectrometria (EDS). Também será realizada análise de Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) para avaliação da morfologia de superfície dos espécimes. O ensaio contará com 84 incisivos bovinos que não apresentarem nenhuma alteração de esmalte, o que poderia modificar os resultados. Os elementos serão seccionados em frações e divididos em 4 grupos segundo a técnica de clareamento utilizada: GI - Luz LED violeta; GII - Peróxido de hidrogênio 35%; GIII Peróxido de hidrogênio 35% + luz LED violeta; GIV- Sem clareamento. A aplicação do gel e da luz LED violeta será realizada em 3 sessões, 1 vez por semana, com intervalo de7 dias entre elas. As variáveis de resposta serão: 1. Análise de microdureza do esmalte, avaliados por um microdurômetro (n=12); 2. Análise de Energia Dispersiva por Espectrometria (EDS) (n=6); 3. Análise de Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV)(n=3). Os dados serão submetidos à testes estatísticos apropriados para cada tipo de análise. (AU)