Busca avançada
Ano de início
Entree

Materialidades e legitimidades: as estratégias ateístas na produção e na circulação de suas imagens

Processo: 20/02319-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2020
Vigência (Término): 30 de abril de 2024
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Urbana
Pesquisador responsável:Paula Montero
Beneficiário:Rafael Quintanilha
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/02497-5 - Religião, direito e secularismo: a reconfiguração do repertório cívico no Brasil Contemporâneo, AP.TEM
Assunto(s):Antropologia da religião   Secularização   Legitimidade   Ateísmo   Ativismo judicial   Sociedade   Modo de vida   Socialização

Resumo

Este projeto está em continuidade com meu trabalho de mestrado sobre a Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos (ATEA) no qual analisamos seu ativismo jurídico como estratégia de legitimar sua posição na sociedade brasileira. No doutorado observaremos os modos de socialização produzidos pelo movimento ateísta de maneira a engendrar espaços onde um estilo de vida não religioso possa se desenvolver. Para além de uma crítica e uma luta contra a religião, em nome do ateísmo produz-se diversos materiais que quando compartilhados espalham suas visões de mundo e valores. Tais ações têm como objetivo desvencilhar os ateus da imagem negativa socialmente atribuída a eles, que são vistos com suspeitas por não acreditarem em Deus, e desenvolver uma cultura mais ou menos letrada não-religiosa. Em diálogo com a literatura sobre religião e espaço público, e sobre o fenômeno recente dos nonreligious, a presente pesquisa busca descrever e analisar as materialidades produzidas, por indivíduos e associações, para promover uma imagem de um ateísmo menos belicoso e mais voltado para ações moralmente corretas. Para compreender o escopo dessa cultura não religiosa opta-se pela análise de imagens, livros, vídeos por eles produzidos, narrativas de vidas, e espaços de socialização, de modo a localizar os valores e sensibilidades que produzem. Esta pesquisa se desenvolve no âmbito do projeto temático "Religião, direito e secularismo" coordenado por Paula Montero e financiada pela FAPESP. E também, é parte de uma colaboração deste projeto com o projeto internacional Understanding nonreligion in a complex future liderado por Lori Beaman da University of Ottawa, Canadá. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)