Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos de danos em DNA promovidos por aldeídos presentes na fumaça de cigarro: mecanismos de detoxificação em pulmão e coração e possíveis biomarcadores urinários de exposição

Processo: 19/24899-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2020
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Marisa Helena Gennari de Medeiros
Beneficiário:Bianca Scigliano Vargas
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07937-8 - Redoxoma, AP.CEPID
Assunto(s):Estresse oxidativo   Dano ao DNA   Aldeídos   Fumaça de cigarro   Pulmão   Coração   Biomarcadores   Urina   Glutationa   Carnosina

Resumo

Os seres humanos estão expostos continuamente a aldeídos reativos gerados endogenamente ou, por exemplo, via exposição a fumaça de cigarro, queima de combustíveis fósseis e como subprodutos em diversos processos industriais. Apesar dos potenciais riscos à saúde, a toxicidade de diversos aldeídos é ainda pouco estudada. O nosso grupo encontrou níveis significativamente maiores de acetaldeído com 2'-desoxiguanosina na urina de moradores da cidade de São Paulo comparados com moradores de São João da Boa Vista, indicando que esses adutos podem, potencialmente, ser utilizados como biomarcadores de exposição a poluentes. Também, encontramos níveis aumentados desse aduto em DNA de pulmão e cérebro de ratos expostos por inalação a acetaldeído, isotopicamente marcado, mostrando dano em DNA pelo aldeído in vivo. Nesses estudos desenvolvemos métodos ultrassensíveis baseados em marcação isotópica e LC-MS/MS para quantificar adutos de aldeídos em tecidos, assim como seus produtos de detoxificação por glutationa e carnosina. Em colaboração com o grupo do Prof. Julio Ferreira do ICB-USP, mostramos que acetaldeído em altas concentrações causa danos em coração em modelo de isquemia/reperfusão, acetaldeído não apenas se correlaciona com o dano como também aumenta a área do infarto. Portanto, a proposta desse projeto, é investigar o papel desses adutos em fumantes, buscando biomarcadores de exposição em urina de humanos, comparar os níveis de aldeídos e adutos em pulmão e coração de ratos submetidos a isquemia/reperfusão e o possível efeito protetor de glutationa e carnosina nos danos mediados por aldeídos. Esse tópico é uma das metas do CEPID-Redoxoma que visa esclarecer o impacto de danos em biomoléculas e compreender os mecanismos envolvidos na toxicidade dessas espécies. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GONCALVES, LIVIA DE SOUZA; SALES, LUCAS PEIXOTO; SAITO, TIEMI RAQUEL; CAMPOS, JULIANE CRUZ; FERNANDES, ALAN LINS; NATALI, JOSE; JENSEN, LEONARDO; ARNOLD, ALEXANDRE; RAMALHO, LISLEY; BECHARA, LUIZ ROBERTO GRASSMANN; ESTECA, MARCOS VINICIUS; CORREA, ISIS; SANT'ANNA, DIOGO; CERONI, ALEXANDRE; MICHELINI, LISETE COMPAGNO; GUALANO, BRUNO; TEODORO, WALCY; CARVALHO, VICTOR HENRIQUE; VARGAS, BIANCA SCIGLIANO; MEDEIROS, MARISA HELENA GENNARI; BAPTISTA, IGOR LUCHINI; IRIGOYEN, MARIA CLAUDIA; SALE, CRAIG; FERREIRA, JULIO CESAR BATISTA; ARTIOLI, GUILHERME GIANNINI. Histidine dipeptides are key regulators of excitation-contraction coupling in cardiac muscle: Evidence from a novel CARNS1 knockout rat model. REDOX BIOLOGY, v. 44, AUG 2021. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.