Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito combinado de KR-12-a5 e EGCG sobre a viabilidade e potencial de mineralização em células pulpares para aplicabilidade endodôntica

Processo: 19/27317-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontopediatria
Pesquisador responsável:Karina Sampaio Caiaffa
Beneficiário:Larissa de Souza Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Endodontia   Mineralização dentinária   Compostos bioativos   Peptídeos catiônicos antimicrobianos   Flavonoides   Sobrevivência celular   Avaliação terapêutica   Técnicas in vitro

Resumo

Compostos bioativos como os peptídeos catiônicos antimicrobianos e derivados de plantas como os flavonoides, têm recebido destaque na literatura devido à sua amplitude terapêutica. Este estudo apresenta como objetivo a avaliação in vitro da viabilidade celular e capacidade indutora de mineralização dentinária da combinação do peptídeo antimicrobiano KR-12-a5 ao EGCG (Epigallocathecin gallate). Primeiramente, pretende-se avaliar a viabilidade celular em combinação, do KR-12-a5 e EGCG sobre células indiferenciadas pulpares (hDPC) através de ensaios utilizando o método de Alamar Blue®. Além disso, será avaliado a capacidade indutora de mineralização da combinação através de ensaios de fosfatase alcalina (ALP), produção de proteína total (PT) e formação de nódulos mineralizados (NM - ensaio conduzido pelo corante vermelho de Alizarina). Com este estudo, pretende-se propor uma alternativa de compostos naturais combinados que apresentem propriedades terapêuticas interessantes como princípio ativo de medicação endodôntica.