Busca avançada
Ano de início
Entree

Verdade e paradoxo: consequências do paradoxo do mentiroso para teorias formais da verdade

Processo: 20/02402-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2020
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - Lógica
Pesquisador responsável:Edelcio Gonçalves de Souza
Beneficiário:Fernanda Birolli Abrahão
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Lógicas não clássicas   Verdade   Mentira   Consciência (filosofia)

Resumo

Este projeto visa estudar o conceito de verdade em teorias formais. Como entender a noção de verdade formal de maneira consistente? Isso engendra uma série de problemas, sendo o paradoxo do Mentiroso um dos principais. Há algumas alternativas para resolvê-lo rumo a uma noção de verdade formal. A primeira delas dá como solução o abandono da lógica clássica e adota lógicas não-clássicas. A segunda é composta por diferentes estratégias, unidas pelo fato de que pretendem manter a lógica clássica e, para isso, restringir os princípios de captura e soltura (que serão expostos à frente). A terceira alternativa se volta a algumas abordagens subestruturais, que, diferentemente das outras, moldam estruturas profundas do raciocínio lógico para resolver o paradoxo. (AU)