Busca avançada
Ano de início
Entree

Relações entre inovação dos projetos de Ensino de Ciências e as políticas educacionais e científicas dos EUA na década de 1950

Processo: 19/27054-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2020
Vigência (Término): 30 de junho de 2023
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação
Pesquisador responsável:Cristiano Rodrigues de Mattos
Beneficiário:Felipe Sanches Lopez
Instituição-sede: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):História da educação   Ensino de ciências   Inovação na educação   Política educacional   Política científica e tecnológica   Material didático   Estados Unidos   Século XX

Resumo

Vivemos em uma época em que a ideia de inovação está em voga, seja para expressar transformações tecnológicas ou educacionais. Entretanto, independentemente das razões concretas que as levaram a ser criadas várias inovações não passam de fetiches produzidos apenas para o consumo. Na educação e em particular no ensino de Ciências, diversas inovações são propagandeadas como solução para diversos problemas enfrentados pela educação científica. Neste doutorado, investigaremos as condições sócio-culturais-históricas que permitem a criação e desenvolvimento de projetos de ensino de Ciências inovadores. Para identificar tais condições, realizaremos uma investigação de um caso histórico de grande importância para a área de ensino de Ciências no Brasil: o Physical Science Study Commitee (PSSC), o projeto americano de ensino de Física desenvolvido na década de 1950. Ainda hoje, a influência do PSSC no campo de formação de professores de Física é inegável, pois é tratado, nos cursos de formação de professores de Física das principais universidades brasileiras, como uma proposta que mudou os rumos da educação científica à época da sua produção e disseminação. Nosso objetivo de pesquisa é o de investigar quais as condições sócio-culturais-históricas permitiram a criação e desenvolvimento do PSSC, determinando os objetivos educacionais, científicos e políticos pretendidos e identificar as condições necessárias para a implementação dessa inovação na educação científica daquele país. A investigação está baseada na Teoria da Atividade Histórico-Cultural, qu toma o desenvolvimento histórico das atividades humanas do como um sistema complexo de atividades coordenadas. O objeto a ser investigado são as mediações que as políticas educacional e científica realizam entre o campo econômico e político com o campo da produção de material didático para o ensino de Ciências. A materialidade do objeto reside em documentos históricos de fontes primárias que serão analisados segundo a perspectiva da análise documental. (AU)