Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção compostos bioativos da casca de barbatimão (Stryphnodendron adstringens)

Processo: 20/00813-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2021
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Priscilla Carvalho Veggi
Beneficiário:Nathália Stahl de Novais
Instituição Sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Fenomenologia   Produtos naturais   Indústria farmacêutica   Barbatimão   Taninos   Stryphnodendron adstringens   Percolação   Ultrassom
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Barbatimão | Compostos fenólicos | percolação | taninos | ultrassom | Processos, Produtos naturais

Resumo

A obtenção de compostos bioativos a partir de matrizes vegetais é crescente e promissora em diversas aplicações nas indústrias farmacêuticas, alimentícias e cosméticas. Além disso, é inquestionável que a biodiversidade e o conhecimento tradicional sobre as plantas representam importantes fontes para o desenvolvimento de produtos terapêuticos. O barbatimão (Stryphnodendron adstringens) é uma árvore da família Fabaceae encontrada no cerrado do sudeste do Brasil. As cascas do caule das espécies são tradicionalmente utilizadas como agente antiinflamatório, analgésico e antisséptico, bem como para promover a cicatrização de feridas, devido à presença de taninos. Porém, muitas vezes esses compostos são obtidos pela utilização da técnica de extração por percolação, processo já estabelecido comercialmente para o barbatimão. Entretanto, este método apresenta baixos rendimentos e longo tempo de processo. A tecnologia de extração por ultrassom é alternativa e viável na obtenção de compostos bioativos de alta qualidade. É considerada uma tecnologia limpa, com menor gasto de energia proporcionando menor tempo de processamento. Desta forma, tem sido alvo de pesquisa e desenvolvimento nas indústrias, tanto para substituir, quanto para aperfeiçoar ou acelerar técnicas convencionais de processamento. Portanto, este projeto propõe o estudo do processo de extração de taninos a partir das cascas de barbatimão com alto potencial de aplicação empregando a extração por percolação assistida por ultrassom. Primeiramente, será avaliado o efeito da temperatura e composição de solvente no rendimento de extrato obtido por percolação. Em seguida, será avaliado o efeito da percolação assistida por ultrassom. E por fim, será determinado o número de ciclos e o tempo de ciclo necessário para o esgotamento da matéria-prima. Os extratos serão avaliados quanto aos polifenóis e taninos totais, e rendimento global. Espera-se com este projeto intensificar os rendimentos de extração e também a concentração de taninos do extrato de barbatimão, e entender os mecanismos que regem a extração para explicar a fenomenologia do processo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE SOUZA RIBEIRO, MAURICIO M.; DOS SANTOS, LUANA C.; DE NOVAIS, NATHALIA S.; VIGANO, JULIANE; VEGGI, PRISCILA C.. An evaluative review on Stryphnodendron adstringens extract composition: Current and future perspectives on extraction and application. INDUSTRIAL CROPS AND PRODUCTS, v. 187, p. 21-pg., . (20/15774-5, 20/07575-2, 20/00813-5)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.