Busca avançada
Ano de início
Entree

Nanoformulação cosmética de origem natural para aplicação em melasma

Processo: 20/11174-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE  
Vigência (Início): 01 de setembro de 2020
Vigência (Término): 31 de maio de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Luciani Gaspar de Toledo
Beneficiário:Luciani Gaspar de Toledo
Empresa:Renata Fabiane Jorge Tiossi
CNAE: Fabricação de cosméticos, produtos de perfumaria e de higiene pessoal
Vinculado ao auxílio:20/00431-5 - Nanoformulação cosmética de origem natural para aplicação em melasma, AP.PIPE
Assunto(s):Hiperpigmentação   Melanose   Cosmetologia   Nanoformulações   Cosméticos   Produtos naturais   Sustentabilidade   Amazônia

Resumo

Melasma é definido como uma hiperpigmentação adquirida, que se caracteriza como manchas acastanhadas localizadas na face, sendo mais comumente em mulheres, acometendo todas as etnias e raças, principalmente em regiões onde há alta incidência de raios solares, como o Brasil. O melasma é a terceira causa de doença dermatológica entre os brasileiros. Além disso, por ser uma patologia recorrente e complexa, os tratamentos tópicos existentes apresentam grandes desafios terapêuticos, como graves efeitos adversos e altas taxas de recidivas. Devido à crescente conscientização do consumo e seus impactos sobre a saúde e sobre o meio ambiente, o consumidor torna-se cada vez mais exigente, o que aumenta demanda por produtos com ingredientes naturais, orgânicos e sustentáveis. O setor da beleza acompanha esse mercado e o ramo de cosméticos naturais cresce entre 8 a 25% ao ano, no mundo todo. Considerando-se que a biodiversidade brasileira é uma das maiores do mundo, o Brasil tem excelente oportunidade de desenvolvimento econômico e social com os cosméticos naturais. Desse modo, tendo em vista as oportunidades de negócios no ramo de cosméticos naturais e às dificuldades de tratamento do melasma, o objetivo deste projeto é desenvolver uma nanoformulação cosmética inovadora e inédita, valorizando a biodiversidade brasileira, com a utilização de matérias primas de origem natural, oriundos da região amazônica do Brasil, para aplicação em melasma, visando a eficácia no clareamento da pele, bem como o desenvolvimento de um produto mais sustentável, natural, mais seguro para saúde e menos tóxicos ao meio ambiente. Para alcançar os objetivos propostos, durante o projeto PIPE-Fase I, será realizada o desenvolvimento da formulação natural e caracterização farmacotécnica do sistema nanoestruturado, estudo de estabilidade físico-química e microbiológica, ensaio de sensibilização e verificação da eficácia in vivo em humanos com avaliações subjetivas e objetivas por quantificação das lesões pela análise de imagens das lesões. Como resultados esperados é prevista a melhoria da penetração/permeação do ativo na pele, e consequentemente melhoria da eficácia do produto. Adicionalmente, o progresso deste projeto contribui para o desenvolvimento de uma empresa 100% brasileira, que emprega matérias primas naturais e que valoriza a biodiversidade brasileira, gerando assim, a possibilidade de expansão da linha facial, entre outras linhas, criando-se a possibilidade de geração de empregos justos e que contribuirão para a economia nacional e para o desenvolvimento mais sustentável de um produto e de toda a sua cadeia de produção. (AU)