Busca avançada
Ano de início
Entree

A estrutura de rede de traços de TEA e TDAH em uma grande amostra populacional de crianças e adolescentes

Processo: 19/27680-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Guilherme Vanoni Polanczyk
Beneficiário:Luis Carlos Farhat
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Psiquiatria infantil   Transtorno do espectro autista   Transtorno do deficit de atenção com hiperatividade   Crianças e adolescentes   Amostragem

Resumo

O transtorno do espectro autista (TEA) e o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) são transtornos do neurodesenvolvimento que co-ocorrem com frequência. Relativamente pouca atenção foi dada até o momento para essa co-ocorrência devido ao fato de a Associação Americana de Psiquiatria considerar que sintomas de TDAH em indivíduos com TEA tratavam-se de uma fenocópia associada ao autismo até a última edição do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. A abordagem de psicopatologia em rede possibilita uma visão diferente para a relação entre sintomas psiquiátricos, pois possibilita a análise de sintomas a nível individual. Abordagens usuais desconsideram diferenças individuais entre sintomas, a medida que diferentes sintomas qualitativamente são considerados similares quantitativamente. Até o momento, não há estudos considerando a co-ocorrência TEA-TDAH a nível de sintomas individuais. Nesse projeto, empregaremos a metodologia de análise de redes para caracterizar a estrutura em rede dos traços de TEA e TDAH em uma população de crianças e adolescentes de São Caetano do Sul, SP, Brasil.