Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de metano em AnSBBR pelo tratamento de melaço de soja

Processo: 19/26477-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2020
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:José Alberto Domingues Rodrigues
Beneficiário:Ana Paula Paulinetti
Instituição-sede: Escola de Engenharia Mauá (EEM). Instituto Mauá de Tecnologia. São Caetano do Sul , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/06246-7 - Aplicação do conceito de biorrefinaria a estações de tratamento biológico de águas residuárias: o controle da poluição ambiental aliado à recuperação de matéria e energia, AP.TEM
Assunto(s):Bioenergia   Metano   Melaço   Soja   Biorrefinarias   Tratamento de águas residuárias

Resumo

Os projetos de pesquisa com foco no estudo de biorreatores anaeróbios operados em batelada e/ou batelada sequenciais, com o propósito de melhoria de desempenho pelo tratamento de efluentes para produção de biogás e da viabilização de sua aplicação, principalmente em relação à adequação ambiental, têm sido abordados pelo grupo de pesquisa da Escola de Engenharia Mauá do Instituto Mauá de Tecnologia (EEM/IMT) desde 1998 com o apoio da FAPESP. No momento os projetos estão direcionados à aplicação do conceito de uma biorrefinaria, com recuperação de produtos de alto valor agregado, biocombustíveis e energia, além de cumprir com a função principal de atenuação dos impactos ambientais de lançamento de despejos domésticos, industriais e agrícolas no ambiente. Tais projetos estão ligados ao Projeto Temático intitulado "Aplicação do Conceito de Biorrefinaria a Estações de Tratamento Biológico de Águas Residuárias: O Controle da Poluição Ambiental Aliado à Recuperação de Matéria e Energia" (Processo nº 15/06.246-7).A aplicação do reator anaeróbio operado em batelada e/ou batelada alimentada sequenciais contendo biomassa imobilizada com recirculação da fase líquida ou com agitação mecânica (AnSBBR) apresenta resultados promissores obtidos em escala laboratorial, aplicados a diferentes águas residuárias como: base de glicose/sacarose, indústria automotiva, indústria de higiene pessoal, indústria metalúrgica, cervejaria, de laticínios, rica em lipídios, efluente de reator acidogênico, esgoto domestico, soro de leite e vinhaça. Ainda, foram realizados estudos com diferentes tipos de mistura (agitação mecânica e recirculação da fase liquida), materiais suporte de imobilização, tempo de enchimento (estrategia de alimentação em batelada e/ou batelada alimentada), diversos tempos de ciclo e temperaturas.Neste contexto, considerando o escopo de estudo da produção de bioenergia, este projeto estará direcionado à avaliação do reator AnSBBR aplicado à produção de metano pelo tratamento de melaço de soja em condição mesofílica. Será avaliada a influência da estratégia de alimentação e da carga orgânica volumétrica aplicada, alterada em função da concentração afluente, além da temperatura, sobre a estabilidade, conversão de matéria orgânica, rendimento, produtividade e composição de metano. (AU)