Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da vulnerabilidade socioambiental às inundações no Município de Piracicaba - SP

Processo: 20/04849-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2020
Vigência (Término): 31 de agosto de 2022
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Raul Reis Amorim
Beneficiário:Fernanda Cristina Carvalho Milani
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Risco hidrológico   Desastres ambientais   Inundações   Bacia hidrográfica   Administração pública   Suscetibilidade   Vulnerabilidade a desastres   Piracicaba (SP)

Resumo

No contexto dos riscos hidrológicos, as inundações são desastres naturais que afetam diretamente a população, com efeitos desmedidos que atingem os sistemas ambiental e socioeconômico. Neste sentido, o estudo das inundações, que são processos naturais e periódicos em cursos d'água deflagrados por chuvas, faz-se cada vez mais necessário, uma vez que a compreensão da dinâmica dos atributos naturais, tais como a suscetibilidade do sistema físico e a vulnerabilidade aos desastres naturais, além dos atributos antrópicos e as características da população a ser atingida, como o uso e a ocupação das terras, as atividades socioeconômicas e o patrimônio histórico e cultural, são fundamentais para a entendermos a dinâmica socioambiental do município e quais os desafios que a gestão municipal e os comitês de bacia hidrográfica envolvidos enfrentam frente aos perigos das inundações. Considerando o exposto, este projeto pretende analisar a vulnerabilidade socioambiental às inundações em Piracicaba-SP, município com grande recorrência do fenômeno. Para tanto, propõe-se uma abordagem sistêmica, relacionado os atributos naturais e sociais do município, permitindo analisar os planos de bacia e os relatórios de situação das bacias que têm sua área de contribuição no município e o plano diretor municipal para identificação de medidas previstas para episódios de inundações; caracterizar as áreas suscetíveis às inundações; traçar o perfil sociodemográfico da população exposta ao risco de ocorrência de inundações na área de estudo; criar um índice de vulnerabilidade socioambiental; mapear a suscetibilidade e a vulnerabilidade socioambiental às inundações dos setores censitários e o uso e ocupação da terra do município. (AU)