Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho físico-mecânico e análise de transferência de calor de painéis OSB produzidos com nanopartículas de Zno

Processo: 20/08334-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2020
Vigência (Término): 31 de outubro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Cristiane Inácio de Campos
Beneficiário:Maria Fernanda Felippe Silva
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental de Itapeva. Itapeva , SP, Brasil
Assunto(s):Nanotecnologia   Materiais não metálicos   Nanopartículas   Óxido de zinco   Transferência de calor   Painéis   Propriedades mecânicas

Resumo

Os painéis OSB (Oriented Strand Board) possuem grande destaque no setor de painéis engenheirados de madeira, especialmente com aplicação na indústria da construção civil, devido suas propriedades mecânicas. Entretanto, para garantir propriedades ideais e competitivas com outros materiais de construção deve ocorrer melhor desempenho de suas propriedades físicas como teor de umidade e inchamento em espessura, visando maior durabilidade dos painéis. Uma das alternativas estudadas para melhorar estas propriedades está na adição de nanomateriais aos painéis, pois estes apresentam dimensões em níveis nanométricos e possuem características favoráveis em relação aos mesmos em macroescala. A proposta do presente trabalho é avaliar a influência no desempenho físico-mecânico e a transferência de calor no interior dos painéis a partir da adição de nanopartículas de óxido de zinco (ZnO) em duas diferentes porcentagens (0,25% e 0,50% em relação a massa de adesivo) em painéis OSB produzidos com madeira de pinus e dois diferentes adesivos (resina fenol-formaldeído e resina poliuretana à base de óleo de mamona). O estudo prevê avaliar a influência do nanomaterial no desempenho físico-mecânico dos painéis, utilizando como referência para a análise dos resultados chapas produzidas sem a adição de nanopartículas e valores comerciais e de literaturas correlatas. Será realizada a caracterização atendendo as especificações dos documentos normativos e a análise estatística dos dados para a verificação da normalidade e diferenças significativas entre os tratamentos.