Busca avançada
Ano de início
Entree

Comportamento cooperativo: análise comparativa do relato parental com a observação da interação entre irmãos gêmeos e não gêmeos

Processo: 20/07660-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2020
Vigência (Término): 30 de junho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Experimental
Convênio/Acordo: Natura
Pesquisador responsável:Emma Otta
Beneficiário:Caroline Aparecida Grecco de Almeida
Instituição-sede: Instituto de Psicologia (IP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/50282-5 - Positive psychology and neuroscience: translational research to promote well-being and emotional regulation, AP.PCPE
Assunto(s):Etologia humana   Relações familiares   Irmãos   Gêmeos   Isolamento social   Estudo comparativo

Resumo

Dado o contexto atual brasileiro de isolamento social e a necessidade de adaptação à realidade imposta pela epidemia de COVID-19, a coleta remota se mostra uma possibilidade a ser explorada. O objetivo deste estudo será investigar se aspectos da relação entre irmãos gêmeos e não gêmeos, relatados pelos pais por meio do Questionário de Relacionamento de Gêmeos, se relacionam com comportamentos cooperativos manifestados durante uma tarefa de desenho, a ser aplicada e filmada pelos pais. A hipótese é que o relato parental considerará os gêmeos monozigóticos (MZ) mais dependentes e mais próximos em comparação aos dizigóticos (DZ) e não gêmeos, e que particularidades das relações entre irmãos despontarão durante a atividade proposta por meio de mais ou menos comportamentos cooperativos. Para verificar isso, convidaremos pais de crianças de 6 a 10 anos, gêmeas e não gêmeas com até dois anos de diferença, a responderem o Questionário de Relacionamento de Gêmeos, com o intuito de identificar cinco aspectos da relação (proximidade, dependência, dominância, conflito e rivalidade) para cada indivíduo do par. Os pais de gêmeos também responderão ao Questionário de Zigosidade adaptado para pais, que possui 95% de concordância com testes de DNA, a fim de averiguar a zigosidade do par. Ademais, desenvolveremos um Protocolo de Pesquisa para os pais com a intenção de instruí-los a aplicar uma atividade de Desenho Conjunto. Esta atividade será constituída de um desenho produzido junto pela dupla de irmãos, em uma única folha de papel, cujo processo será filmado pelos pais e enviado ao Painel USP de Gêmeos. A tarefa também contará com a consecutiva criação de um título e uma estória a respeito do desenho. (AU)