Busca avançada
Ano de início
Entree

Mobilidade humana no Holoceno inicial na região de Lagoa Santa: análise de geometria transeccional de ossos longos dos membros inferiores

Processo: 20/08781-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2020
Vigência (Término): 30 de setembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Arqueologia - Arqueologia Pré-histórica
Pesquisador responsável:André Menezes Strauss
Beneficiário:Luana da Silva Spósito
Instituição-sede: Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/16451-2 - Histórias indígenas de longa duração: o Brasil pré-colonial pela ótica da antropologia virtual e da arqueogenômica, AP.JP
Assunto(s):Biomecânica   Bioarqueologia   Mobilidade urbana   Geomorfologia cárstica   Isótopos   Estrôncio

Resumo

Historicamente, as populações habitantes do Brasil Central durante o Pleistoceno final e o Holoceno inicial foram caracterizadas como sendo altamente móveis. Entretanto, estudos recentes baseados em análises de isótopos de estrôncio e da circunferência externa dos fêmures demonstraram um baixo nível de mobilidade para essas populações. As análises de isótopos de estrôncio apresentam considerável homogeneidade entre os indivíduos estudados, sendo compatível com a biodiversidade encontrada na região cárstica local. Por sua vez, as análises preliminares da circunferência externa de fêmures indicam também um baixo nível de mobilidade, visto que caçadores-coletores costumam apresentar valores maiores do formato do eixo médio diafisário do fêmur que agricultores, apresentando assim um formato mais oval. A partir da análise de geometria transeccional de ossos longos dos membros inferiores desses remanescentes humanos, o presente projeto pretende avaliar o nível de mobilidade das populações habitantes da região de Lagoa Santa e comparar os resultados obtidos com análises das populações dos Sambaquis Piaçaguera e Moraes - sendo este último fluvial -, ambos com coleções pertencentes ao MAE-USP.