Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel da DDX41 na diferenciação e função de linfócitos T reguladores

Processo: 20/04170-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2020
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia
Pesquisador responsável:José Carlos Farias Alves Filho
Beneficiário:Gabriel Azevedo Públio
Instituição Sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/08216-2 - CPDI - Centro de Pesquisa em Doenças Inflamatórias, AP.CEPID
Bolsa(s) vinculada(s):23/05358-2 - O papel da via de sinalização STING na diferenciação de células T reguladoras induzidas pela infecção pelo vírus herpes simplex-1 (HSV-1), BE.EP.DR
Assunto(s):Imunofarmacologia   Folato   Linfócitos T reguladores   Antígenos de diferenciação de linfócitos T
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Ddx41 | di-nucleotídeos | linfócitos | Tregs | Imunofarmacologia

Resumo

Os linfócitos T reguladores (Tregs) são células que desempenham funções imunossupressoras importantes para a manutenção da homeostasia imunológica e para modulação da resposta inflamatória. Neste sentido, a busca do entendimento dos mecanismos que participam do processo de ativação, diferenciação e estabilidade das Tregs podem proporcionar novas abordagens terapêuticas. As células de nosso sistema imune dispõem de receptores de reconhecimento de padrões (PRRs) que atuam como sensores intracelulares capazes de reconhecer proteínas e ácidos nucleicos associados a dano tecidual ou a infecções de patógenos intracelulares. Esse processo é amplamente estudado nas células da imunidade inata, entretanto, esses sensores podem apresentar atividades distintas quando ativados em células da imunidade adaptativa como as células T. Um exemplo desse fenômeno é a ativação de STING ("STimulator of Interferons Genes). Este é um receptor intracelular de di-nucleotídeos cíclicos livres que tem sido amplamente estudado na imunidade inata. Os di-nucleotídeos cíclicos são moléculas que foram inicialmente identificadas em bactérias e vírus. Dados de nosso grupo de pesquisa demonstram que a ativação de linfócitos com di-nucleotídeos cíclicos induz uma maior expressão do fator de transcrição Foxp3 quando cultivados sob condição de diferenciação para Tregs. A DEAD-box helicase 41 (DDX41) é uma RNA helicase membro da família das DEAD box helicases qual atua como um sensor de DNA citosólico, auxiliando a ativação de STING. Contudo, alguns grupos de pesquisa observaram que DDX41 não parece participar do processo de resposta anti-viral contra vírus de DNA. Além de seu papel na imunidade inata, mutações somáticas e germinativas em DDX41 estão associadas a síndromes mielodisplásicas e/ou leucemias. Ainda mais, foi reportado uma interação direta entre as proteínas FoxP3 e DDX41. Com base nisso, o presente trabalho pretende compreender o papel da proteína DDX41 na função e diferenciação de células T reguladoras. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALVES DAMASCENO, LUIS EDUARDO; MARTELOSSI CEBINELLI, GUILHERME CESAR; FERNANDES, MARIANE FONT; NASCIMENTO, DANIELE CARVALHO; PUBLIO, GABRIEL AZEVEDO; RAMIREZ VINOLO, MARCO AURELIO; OLIVEIRA, SERGIO COSTA; SPARWASSER, TIM; CUNHA, THIAGO MATTAR; CUNHA, FERNANDO QUEIROZ; et al. STING is an intrinsic checkpoint inhibitor that restrains the T(H)17 cell pathogenic program. CELL REPORTS, v. 39, n. 8, p. 15-pg., . (19/15070-0, 20/04170-1, 18/17542-4, 13/08216-2)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.