Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação da contribuição dos processos oxidativos avançados no tratamento multibarreira de efluentes biotratados

Processo: 19/26210-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2020
Vigência (Término): 30 de setembro de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Renato Falcão Dantas
Beneficiário:Rodrigo Pereira Cavalcante
Instituição-sede: Faculdade de Tecnologia (FT). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Limeira , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/17774-1 - Influência da composição do efluente secundário na desinfecção por processos oxidativos avançados, AP.JP
Assunto(s):Tratamento de águas residuárias   Peróxido de hidrogênio   Ozônio   Saneamento

Resumo

A reutilização de água tem se destacado como importante alternativa para solucionar os problemas com escassez de água. Os efluentes tratados biologicamente apresentam alta quantidade de matéria orgânica dissolvida, que consiste em uma mistura heterogênea de compostos orgânicos que podem conter também contaminantes emergentes. Consequentemente, para garantir uma qualidade de água que seja adequada para o reuso, é de suma importância o desenvolvimento de novas formas de tratamentos que sejam eficientes, visto que o tratamento convencional de efluentes não é capaz de promover a remoção de contaminantes emergentes. Neste contexto, buscando uma contribuição para solucionar esta problemática o presente projeto propõe aplicar diversos métodos multibarreira (MB) para o tratamento de efluentes. Os MB propostos consiste em dois estágios com Processos Oxidativos Avançados (POAs) e um estágio de filtração por carvão ativado biológico (BAC). O primeiro POA servirá como pré-tratamento para a biofiltração e o segundo POA servirá como etapa de acabamento pós-biofiltração para garantir a desinfecção e remoção dos microcontaminantes, sendo eles os pesticidas alaclor, atrazina, carbofurano, metolacloro e molinato. A combinação de POAs em sistemas MB produz resultados promissores, entretanto pouco se sabe sobre o efetivo papel dos POAs nestes sistemas. Neste sentido, este projeto visa investigar o papel dos POAs, com ênfase nos processos baseados em ozônio e H2O2/UV e suas combinações em sistemas acoplados em MB. As quatro configurações de multibarreira estudadas com o intuito de verificar o papel dos POAs em cada etapa serão: (i) O3-BAC-O3, (ii) O3/H2O2-BAC-O3/H2O2, (iii) UV/H2O2-BAC-UV/H2O2, (iv) O3/H2O2 ou O3-BAC-UV/H2O2/UF. (AU)