Busca avançada
Ano de início
Entree

Viabilidade, germinação e desenvolvimento in vitro de plântulas de Phalaenopsis obtidas com políneas irradiadas

Processo: 20/09426-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2020
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Jean Carlos Cardoso
Beneficiário:Carla Midori Iiyama
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:18/20673-3 - EMBRIOGÊNESE GAMÉTICA COMO ESTRATÉGIA PARA O MELHORAMENTO GENÉTICO DE PHALAENOPSIS (Orchidaceae), AP.R
Assunto(s):Cultura de tecidos vegetais   Materiais biológicos   Irradiação   Germinação   Orquídea   Phalaenopsis   Estudos de viabilidade

Resumo

A avaliação dos efeitos da irradiação sobre o material biológico pode ser realizado de várias formas, sendo uma delas a quantificação da perda de viabilidade de grãos de pólen. Porém, em orquídeas, a organização dos grãos de pólen em massa, na forma de políneas, dificulta muito esse procedimento. Nesse grupo, portanto, uma forma viável de se avaliar os efeitos da irradiação no material biológico, é pela quantificação final da redução da viabilidade e da germinação das sementes, em geral numerosas, e resultados diretos do processo de polinização e fecundação realizada pelos grãos de pólen. Os trabalhos serão realizados em cruzamentos recíprocos de duas cultivares usadas e de interesse na obtenção de haplóides. A viabilidade será realizada em microscopia de luz, quantificando-se sementes viáveis pela presença e qualidade dos embriões. Em seguida as sementes serão semeadas in vitro e tanto a germinação quanto o desenvolvimento das plântulas serão contabilizados. (AU)