Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos de formação de nanocompósitos a partir de própolis de abelha Jataí (Tetragonisca angustula) e nanoargila haloisita, por absorção e fluorescência, para desenvolvimento de sistemas de liberação de drogas.

Processo: 20/09435-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2021
Vigência (Término): 31 de maio de 2022
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Patricia Targon Campana
Beneficiário:Natália Cristina Pinto Vieira
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Absorção   Espectroscopia   Fluorescência   Própolis   Biomateriais

Resumo

Investigaremos o comportamento fotofísico da própolis da abelha Jataí (Tetragonisca angustula), em solução, em estado sólido e, também, conjugada com a nanoargila haloisita, em diferentes condições de pH para posterior desenvolvimento de nanomateriais avançados. Os métodos espectroscópicos em solução utilizados permitirão a caracterização dos componentes bioativos das própolis (flavonóides e cumarinas) e as mudanças estruturais devido à sua interação com as nanoargilas. Propõe-se aqui, a utilização das técnicas espectroscópicas de absorção e de fluorescência para a caracterização fotofísica, em diferentes condições físico-químicas, na presença e ausência das nanoargilas, visando o estudo das divergentes propriedades desses nanocompósitos.