Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização da cianobactéria Rhabdoderma lineare: uma abordagem fisiológica, bioquímica e metabólica

Processo: 20/12575-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Botânica Aplicada
Pesquisador responsável:Ana Teresa Lombardi
Beneficiário:Nicolás Ignacio Valdez
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:18/07988-5 - Bioprospecção, caracterização e otimização de microalgas brasileiras para a biofixação de CO2 e produção de biomoléculas de importância comercial, AP.TEM
Assunto(s):Ecofisiologia   Cianobactérias   Fotobiorreatores   Metabolômica   Proteínas   Compostos bioativos   Microalgas   Lipídeos   Bioprospecção

Resumo

Cyanobacteria consiste em um grupo de microrganismos procarióticos fotossintetizantes com elevada diversidade. São organismos simples eficientes na fixação de CO2, o que os torna promissores para a mitigação biológica do gás. Além disso, as cianobactérias produzem metabolitos secundários bioquimicamente ativos que podem ser isolados e aplicados nas mais variadas áreas. Entretanto, são ainda pouco exploradas. A metabolômica, que busca identificar metabólitos, aparece como uma ferramenta para a análise quantitativa e qualitativa dos metabólitos em amostras biológicas, incluindo microalgas e cianobactérias. Este projeto tem como objetivo caracterizar a biomassa da cianobactéria Rhabdoderma lineare em relação à sua fisiologia, considerando a fotossíntese, compostos bioquímicos e metabólitos secundários. Para isso, faremos culturas controladas em laboratório e analisaremos o crescimento populacional, os parâmetros fotossintéticos (rendimentos quânticos máximos e efetivo, curva de luz e fixação do CO2), a concentração intracelular de proteínas, carboidratos e lipídios totais, a concentração de pigmentos (carotenoides, clorofila e ficocianina), assim como o potencial antioxidante (método DPPH). Faremos também um perfil dos metabolitos secundários por meio da metabolômica, análise que contará com a colaboração da Profa. Dra. Camila Crnkovic da Universidade de São Paulo. Este estudo visa contribuir para uma melhor compreensão da fisiologia da cianobactéria Rhabdoderma lineare, além de colaborar com pesquisas que envolvem bioprospecção de compostos bioativos.