Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação de tecnologias eletroquímicas para remover concentrações reais de poluentes orgânicos persistentes em matrizes de águas complexas

Processo: 20/14803-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Marcos Roberto de Vasconcelos Lanza
Beneficiário:Alexsandro Jhones dos Santos
Supervisor no Exterior: Sergio Garcia Segura
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa: Arizona State University, Tempe (ASU), Estados Unidos  
Assunto(s):Técnicas avançadas de tratamento de água   Poluentes orgânicos persistentes   Remoção de contaminantes   Tecnologias eletroquímicas   Processos oxidativos avançados   Eficiência de Faraday

Resumo

Poluentes orgânicos persistentes (POPs) são contaminantes recalcitrantes que dificilmente são removidos por tratamentos convencionais de água. O descarte incorreto e o tratamento incompleto de POPs apresentam sérios riscos ao meio ambiente e a saúde humana. A maioria desses compostos são tóxicos e foram identificados como espécies carcinogênicas e / ou desreguladores endócrinos. A necessidade de buscar novas tecnologias de águas residuais tornou-se uma prioridade. Nesse contexto, os processos eletroquímicos de oxidação avançados (PEOAs) surgiu como uma alternativa viável para a remoção eficiente de muitos POPs. No entanto, a maioria dos estudos sobre as capacidades dos PEOAs relatados na literatura têm sido realizados em soluções sintéticas em água ultrapura e utilizando concentrações de POPs em ordens de magnitude superiores aos valores geralmente encontrados no meio ambiente. Um novo caminho deve ser trilhado para enfrentar os desafios de implantação de PEOAs e tradução de tecnologia para tratamento de efluentes reais. Este projeto visa compreender esses desafios estudando (i) o efeito da concentração real dos poluentes, (ii) o efeito dos componentes das matrizes da água no desempenho de sistemas eletroquímicos. Além disso, será estudada a estabilidade dos diferentes eletrodos em meios reais / complexos. O desempenho dos PEOAs será avaliado em termos de remoção de poluentes e figuras de mérito de engenharia, como eficiência Faradaica e consumo de energia.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)