Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da associação entre alterações do equilíbrio postural, a atividade física e desordens do sono em indivíduos com DPOC moderada a muito grave

Processo: 20/08827-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2020
Vigência (Término): 30 de novembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Celso Ricardo Fernandes de Carvalho
Beneficiário:Caroline Maschio de Censo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Doença pulmonar obstrutiva crônica   Função pulmonar   Fisioterapia respiratória   Equilíbrio postural   Atividade física   Sedentarismo   Qualidade do sono   Distúrbios do sono

Resumo

Indivíduos com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) tem um declínio da função pulmonar e tendem a ter um menor nível de atividade física comparados a indivíduos saudáveis. Além disso, há evidências na literatura de que esses indivíduos apresentam prejuízo no equilíbrio postural e na qualidade do sono Objetivos: Investigar a associação entre o equilíbrio postural, as desordens do sono, o nível de atividade física e o comportamento sedentário em indivíduos com DPOC. Métodos: A primeira fase do estudo trata-se de um estudo transversal. Serão realizadas em 2 visitas não consecutivas; no primeiro dia será feita a avaliação inicial de investigação de comorbidades e questionários para avaliar a qualidade de sono (PSQI), dispneia (mMRC e CAT), ansiedade e depressão (HADS) e humor (Brunel). Os indivíduos receberão dois acelerômetros e um diário do sono e de atividade física, que devolverão em sete dias depois. Nesse encontro, realizarão o Mini- BESTest e da plataforma de equilíbrio (AMTI). Análise Estatística: Com a prevalência estabelecida de quedas de 40% (Oliveira et al, 2015), 70 pacientes serão recrutados para permitir possíveis perdas durante o seguimento. O valor alfa será ajustado em 0,05 e o poder em 0,8. A análise descritiva de dados da fase 1 será realizada por meio do teste Kolmogorov-Smirnov. A associação entre as variáveis será através do Coeficiente de correlação de Pearson ou Spearman e o nível de significância de 5%. (AU)