Busca avançada
Ano de início
Entree

Entre o prazer e a dor: uma etnografia em contextos digitais de dominação feminina

Processo: 20/02924-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2020
Vigência (Término): 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Jorge Leite Júnior
Beneficiário:Bruno Henrique Benichio Alves Barbosa
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Etnografia   Sexualidade   Relações de gênero   Heteronormatividade   Mídia digital

Resumo

O presente projeto de pesquisa possui como propósito analisar as práticas eróticas no contexto do BDSM brasileiro. Como recorte analítico, optamos pela Dominação Feminina, que se configura enquanto uma das categorias de papéis sexuais da comunidade BDSM (Bondage / Disciplina, Dominação / Submissão ou Sadismo / Masoquismo). As mulheres dominadoras utilizam mídias digitais promovendo espaços de sociabilidade, de legitimação de suas sexualidades e de textualização dos desejos e dilemas que rondam suas vidas diárias. Mediante a multidisciplinaridade dos estudos contemporâneos em contextos digitais, esse projeto de pesquisa almeja realizar uma etnografia de três blogspots para alcançar um entendimento sobre o que é a Dominação Feminina, quem são essas mulheres, que experiências de gênero e sexualidade estão relacionadas aos seus comportamentos e quais são os objetivos que impulsionam o uso de mídias digitais. Para esse empreendimento intelectual empregaremos como referenciais teóricos os conceitos de Judith Butler e os de Michel Foucault, para visualizarmos o quanto essas práticas configuram-se de modo transgressivo ou não, em relação aos regimes de verdade da heteronormatividade e à ordem compulsória do sexo/gênero/desejo.