Busca avançada
Ano de início
Entree

Propriedades luminescentes do HfO2 e suas aplicações para dosimetria de radiações ionizantes

Processo: 20/15562-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2021
Vigência (Término): 31 de março de 2022
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica
Pesquisador responsável:Sonia Hatsue Tatumi
Beneficiário:Alvaro de Farias Soares
Supervisor no Exterior: Clemens Woda
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : German Research Center for Environmental Health, Alemanha  
Vinculado à bolsa:19/20121-3 - Estudo das propriedades morfológicas e luminescentes de nanocristais de HfO2 sintetizados pelo método de precipitação, BP.DD
Assunto(s):Dosimetria   Luminescência   Nanocristais   Termoluminescência   Háfnio

Resumo

A dosimetria de radiação ionizante por Termoluminescência (TL) é utilizada desde 1940, atualmente, os pesquisadores sugerem o uso da Luminescência Opticamente Estimulada (OLOE). Os dosímetros luminescentes são usados para monitorar as doses recebidas pelos trabalhadores que estão expostos a ambientes equipados com fontes/dispositivos emissores de radiação, além dos pacientes. Portanto, esse monitoramento é fundamental para garantir o bem-estar das pessoas. Nesse sentido, um material que vem ganhando destaque na literatura, devido às suas propriedades, é o Óxido de Háfnio (HfO2). No entanto, poucos estudos relatam suas propriedades luminescentes, e aqueles sobre TL e OSL são ainda mais escassos. Desta forma, o projeto visa sintetizar nanocristais de HfO2 puro e dopado com Ag, analisar suas propriedades morfológicas e luminescentes, a influência do tratamento térmico e dopagem, e sua aplicação como dosímetro. Para isso, o material será sintetizado pelo método de coprecipitação. As medidas de TL e OSL serão realizadas em equipamentos apropriados, após doses de irradiação beta, gama, raio-X e ultravioleta. A morfologia e composição serão verificadas por microscopia eletrônica e espectroscopia. Portanto, prevê-se um estudo aprofundado das propriedades TL e OSL, com publicação de artigos científicos e potencial uso como dosímetro comercial. Para isso, o Institute for Radiation Medicine (IRM) of the German Research Center for Environmental Health (GmbH) oferece excelente infraestrutura e corpo técnico qualificado, o que contribuirá para um sólido desenvolvimento do estudo. (AU)