Busca avançada
Ano de início
Entree

Metabólitos das cascas dos frutos de Porcelia macrocarpa (Warm.) R. E. Fries (Annonaceae): desreplicação molecular, avaliação do potencial antiparasitário e estudo da ação mecanística fenotípica e metabolômica

Processo: 20/01221-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2020
Vigência (Término): 30 de novembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:João Henrique Ghilardi Lago
Beneficiário:Fernanda Thevenard dos Santos
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Assunto(s):Química de produtos naturais   Annonaceae   Desreplicação   Cascas (planta)   Metabolômica   Trypanosoma cruzi   Farmacocinética

Resumo

Espécies vegetais, assim como outros produtos naturais, têm sido utilizados como terapêuticos no tratamento de diversas enfermidades desde a antiguidade. Há grande quimiodiversidade nas plantas, o que as tornam fontes importantes para novos estudos de desenvolvimento de fármacos, inclusive para doenças negligenciadas como a Doença de Chagas. Sendo assim, este projeto tem como objetivo realizar um estudo de desreplicação molecular do extrato da casca dos frutos de Porcelia macrocarpa (Warm.) R. E. Fries (Annonaceae), um tecido ainda não explorado desta espécie. Desta forma, o extrato será avaliado por RMN e CLAE/EM seguido de fracionamento biomonitorado para isolamento de compostos ativos, que serão caracterizados por técnicas espectroscópicas/espectrométricas. Sequencialmente, a atividade dos metabólitos com potencial antiparasitário será avaliada frente a formas extra- e intracelulares de Trypanosoma cruzi e estudos aprofundados referentes a possíveis mecanismos de ação destes compostos serão realizados. Adicionalmente, a avaliação destes mecanismos será complementada com estudos metabolômicos dos parasitas quando submetidos a tratamento com os compostos ativos. Finalmente, as substâncias isoladas serão analisadas quanto a propriedades farmacocinéticas (ADME/Tox e PAINS) a fim de racionalizar possíveis mudanças estruturais visando melhorar o potencial observado. Desta forma, os resultados obtidos contribuirão com a quantidade de protótipos disponíveis para desenvolvimento de fármacos, principalmente quanto a atividade anti-T. cruzi, assim como uma compreensão aprofundada da forma de ação dos compostos bioativos frente aos parasitas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)