Busca avançada
Ano de início
Entree

Combinações estratégicas entre tamanho de partícula e teor de matéria seca em silagem de milho visando isonomia KPS no desempenho de bovinos de corte

Processo: 20/11706-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2021
Vigência (Término): 30 de junho de 2022
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Luiz Gustavo Nussio
Beneficiário:Ariádna Patricia Ribeiro
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Silagem   Milho   Degrabilidade ruminal   Vacas   Lactação animal   Desempenho animal   Bovinos de corte

Resumo

A silagem de milho de planta inteira é um alimento composto por uma fração vegetativa rica em fibra e fração de grãos em amido. A forma física da fibra exerce grande impacto sobre o ambiente ruminal e consequentemente sobre o desempenho de vacas em lactação. O objetivo geral deste projeto será avaliar o efeito do processador de grãos em híbrido de milho com endosperma vítreo, fragmentados com tamanho de corte teórico decrescente proporcional ao avanço da maturidade fisiologia seja efetivo para proporcionar índice de KPS superior a 60% nos diferentes tratamentos e os reflexos das estratégias propostas no desempenho de novilhos em terminação, na digestibilidade do amido e qualidade de ensilagem e rendimento de MS por hectare. Serão desenhados 3 tratamentos no avanço da maturidade fisiológica do hibrido de endosperma vítreo BM 709, I. 30% de MS com TTC de 18mm; II. 35% de MS com TTC de 12 mm e III. 40% de MS com TTC de 6 mm. Estocados em silo superfície comerciais de 40 tonelada de massa verde. O período de estocagem será de 45 dias, as silagens serão fonte de forragem (25% da MS da dieta) para alimentar bovinos de corte em terminação. Sessenta tourinhos da raça Nelore (± 439 kg e 24 meses de idade) serão alojados em baias individuais por período de em média de 80 dias. As silagens serão avaliadas quanto a composição química, produtos de fermentação, perdas de MS, contagens de microrganismos (bactérias láticas, leveduras e fungos), estabilidade aeróbia, temperatura e pH, o processamento sobre o grão será avaliado por KPS (Kernel Processing Score), tamanho geométrico e área superficial de grãos, distribuição das partículas. As avaliações dos animais incluirão consumo de matéria seca (CMS), ganho médio diário (GMD), eficiência alimentar (EA), digestibilidade, comportamento ingestivo e características de carcaça. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)