Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise Microbiológica, filogenética e de Sensibilidade aos bacteriófagos de isolados de Escherichia coli recuperados do esgoto do Estado de São Paulo

Processo: 20/12592-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Ana Cristina Gales
Beneficiário:Willames Marcos Brasileiro da Silva Martins
Supervisor no Exterior: Mark Alexander Toleman
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Cardiff University, País de Gales  
Vinculado à bolsa:18/24431-4 - Investigação e caracterização de bacteriófagos com atividade lítica frente aos principais clones bacterianos epidêmicos em hospitais brasileiros, BP.PD
Assunto(s):Genética microbiana

Resumo

Escherichia coli é um dos patógenos bacterianos mais detectados no mundo, sendo principalmente responsável por infecções urinárias e diarreias infecciosas. Alguns grupos de E. coli são bem reconhecidos como mais virulentos ou até mesmo mais resistentes aos antimicrobianos do que outros, e nos últimos anos, técnicas moleculares envolvendo o sequenciamento do genoma completo tem permitido a melhor caracterização desses isolados. Por constituir a microbiota de humanos e animais, isolados de E. coli são frequentemente detectados em efluentes. Assim como isolados de E. coli, os bacteriófagos também são identificados em amostras de efluentes e apresentam estreita relação com a dinâmica populacional bacteriana. Nosso objetivo com a realização deste estudo é realizar a caracterização genética de isolados de E. coli proveniente de efluentes do Estado de São Paulo e correlacionar estes dados com a detecção de bacteriófagos usando diferentes amostras de efluentes provenientes de diferentes países. Nós também gostaríamos de checar a hipótese de que a presença de alguns bacteriófagos possa influenciar a população de E. coli numa determinada região. Para obter essas respostas, uma coleção de 300 isolados de E. coli já recuperados de efluentes domésticos e hospitais das cidades de São Paulo, Barueri e Bragança Paulista serão submetidos a caracterização microbiológica e genômica. Além disso, bacteriófagos com atividade lítica serão investigados usando a coleção de 300 isolados de E. coli provenientes de São Paulo como hospedeiros usando amostras de esgoto coletadas no Brasil, Bangladesh, Inglaterra, País de Gales, Cazaquistão, Arábia Saudita e Tailândia. Posteriormente, os bacteriófagos identificados serão submetidos a uma inicial caracterização microbiológica para que seja possível a obtenção de uma biblioteca contendo o maior número de fagos possíveis contra estes isolados. O conhecimento obtido com a realização deste projeto permitirá um melhor entendimento sobre a distribuição dos isolados de E. coli pelo Estado de São Paulo e também fornecerá um grande número de bacteriófagos contra estes isolados, uma vez que diferentes amostras de esgotos serão utilizadas neste investigação.