Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência de ácidos orgânicos sobre o desempenho e morfologia intestinal de frangos de corte desafiados com água contaminada com excretas

Processo: 20/16360-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2021
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Valquíria Cação Cruz-Polycarpo
Beneficiário:Beatriz de Jesus Rodrigues
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Assunto(s):Morfologia intestinal   Alimentação animal   Avicultura   Ácido butírico   Ácidos orgânicos   Frangos de corte   Morfometria   Análise de variância   Teste de Tukey

Resumo

O objetivo desta pesquisa será avaliar o uso de ácidos orgânicos na forma isolada-protegida e/ou como blend, em substituição aos antibióticos promotores de crescimento nas dietas de frangos de corte sobre o desempenho e morfologia intestinal de frangos de corte experimentalmente desafiados com água de bebida contaminada com cama reutilizada. Para isso, serão utilizados 900 pintos de corte machos Ross com 1 dia de idade, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e seis repetições. Os tratamentos consistirão de: T1 - Controle negativo - Ração basal (RB); T2 - Controle positivo - RB com inclusão de antibiótico; T3 - RB com inclusão de ácido butírico protegido com glicerina; T4 - RB com inclusão de um blend de ácido lático, ácido fórmico e cinamaldeído; T5 - RB com inclusão de ácido butírico protegido com glicerina + blend de ácido lático, ácido fórmico e cinamaldeído. No período de 1 a 21 e 1 a 42 dias de idade será avaliado o desempenho das aves por meio do ganho de peso médio (GPM), consumo de ração médio (CRM), conversão alimentar (CA), viabilidade (VB) e índice de eficiência produtiva (42 dias de idade). Para as análises morfométricas do intestino delgado, aos 21 e 42 dias de idade, serão colhidos segmentos do duodeno e jejuno de seis aves por tratamento. Para avaliar a qualidade da cama será mensurado o pH e umidade em nove pontos dos boxes. Os dados serão submetidos a análise de variância pelo procedimento MIXED e, quando houver efeito significativo, as médias serão comparadas pelo teste de Tukey com 5% de significância.