Busca avançada
Ano de início
Entree

Cinema experimental na América Latina: ressonâncias entre obras chilenas e brasileiras

Processo: 21/04131-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de maio de 2021
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Convênio/Acordo: Comisión Nacional de Investigación Científica y Tecnológica (CONICYT)
Pesquisador responsável:ANTONIO CARLOS RODRIGUES DE AMORIM
Beneficiário:Karina Miki Narita
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:19/13202-7 - Afetos e visibilidades comparados: imaginário e lugar das imagens em narrativa teatral e cinematográfica (Chile-Brasil 1990-2010), AP.R
Assunto(s):Cinema experimental   Cultura indígena   Estudos culturais   Filosofia   Recursos audiovisuais   América Latina   Chile   Brasil

Resumo

A pesquisa do bolsista TT 3 refere-se à análise de revistas e plataformas virtuais sobre cinema na América Latina. Uma delas é a revista Hambre | espacio cine experimental, em que há muita produção sobre o cinema brasileiro e o chileno. Trabalhando a partir do conceito de Realismos da Precariedade (2014), incluído textos sobre o trabalho de cineastas brasileiros como Paula Gaitan e Gabriel Mascaro ou chilenos como Patrício Guzmán, Camila José Donoso e Nicolas Videla. Realismos da precariedade também se desdobrou em quatro mostras de cinema (2010, 2011, 2012, 2015) incluindo filmes de outros cineastas brasileiros como Marilia Rocha, Marcelo Gomes e Karim Aïnouz ou chilenos como Raul Ruiz, LuisSepúlveda e Pablo Larrain. A partir das categorias do livro "La Radicalidad de laImagen. Des-bordando latitudes latino-americanas. Sobre algunos modos del cineexperimental" (2016), por parte do projeto Hambre | espacio cine experimental, que desde seus inícios tem se definido como um observatório e laboratório dedicado à pesquisa, diálogo e produção de pensamento crítico e sensível por contágio e posta em relação com os cinemas experimentais, com especial foco nas expressões latino-americanas. Como possível interlocutor que favoreça estreitar as ressonâncias com as produções experimentais chilenas, se apresenta como figura chave o crítico, curador e acadêmico chileno Ivan Pinto, diretor de La Fuga - Revista de Estudios de Cine, outro documento que servirá de base para o trabalho do bolsista TT. A pesquisa se dará também entorno dos catálogos do Festival do Filme Documentário e Etnográfico - Fórum de Antropologia e Cinema entre 2000 e 2010, com recorte nos filmes experimentais produzidos com/em parceria com artistas e comunidades indígenas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)