Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação de glaze contendo prata em alta temperatura sobre zircônias de 3ª geração: efeitos na carga para falha em fadiga, translucidez e capacidade de mascaramento

Processo: 20/15720-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2021
Vigência (Término): 31 de outubro de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Renata Marques de Melo Marinho
Beneficiário:Camila da Silva Rodrigues
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Prótese dentária   Prata   Zircônia   Alta temperatura   Fadiga dos materiais   Propriedades ópticas

Resumo

Para atingir a translucidez necessária para uso em restaurações monolíticas, a última geração de cerâmicas de óxido de zircônio passou por modificações, como aumento de fase cúbica e de estabilizantes (5Y-PSZ e 4Y-PSZ). Por outro lado, as restaurações feitas com "zircônias translúcidas" usualmente recebem uma camada de glaze para chegar a uma aparência final mais estética e natural. A aplicação do glaze pode trazer problemas como fratura ou delaminação oriundos da sua interface fraca com a zircônia. Procedimentos que modifiquem a composição do vidro para formar um recobrimento ou interface mais resistentes são alternativas de acabamento para essas restaurações. Ainda, é possível de incluir agentes antimicrobianos, como a prata, na composição do pó de glaze. Essa adição pode ser altamente benéfica, uma vez que complicações biológicas como cáries, periodontite ou perimplantite são frequentemente descritas em acompanhamentos clínicos de próteses cerâmicas. No entanto, estudos in vitro são necessários para verificar se a aplicação do vidro com prata atende a aspectos estéticos e mecânicos necessários para uso clínico de restaurações cerâmicas. Dessa forma, este estudo se propõe a analisar a influência da aplicação de glaze experimental contendo prata sinterizado em alta temperatura nas propriedades ópticas e comportamento a fadiga de zircônias de terceira geração (4Y-PSZ e 5Y-PSZ). Serão realizadas análises de translucidez, capacidade de mascaramento e carga para falha em fadiga, comparando a utilização do glaze com prata e do glaze convencional na superfície oclusal. Ainda, será analisada atividade microbiana a longo prazo (6 meses) para observar a eficácia da ação da prata. Análises complementares de modo de falha, rugosidade e espectroscopia por energia dispersiva também serão realizadas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)