Busca avançada
Ano de início
Entree

Processos de transferência de energia intramolecular em complexos beta-dicetonatos de terras raras investigados por espectroscopia de absorção transiente

Processo: 20/16795-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de maio de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Hermi Felinto de Brito
Beneficiário:Lucca Blois Guimarães
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Espectroscopia eletrônica   Elementos da série dos lantanídeos   Compostos de coordenação   Terras raras   Transferência de energia

Resumo

Os complexos beta-dicetonatos de lantanídeos são conhecidos há muito tempo tanto na forma tris como tetrakis. Esses complexos apresentam emissões 4f-4f características do íon mesmo com excitação em bandas de absorção do ligante, devido à transferência de energia intramolecular. Enquanto o modelo teórico para transferência de energia já está bem estabelecido, poucas técnicas experimentais conseguem observar e acompanhar o fenômeno diretamente. Dentre essas técnicas, a espectroscopia de absorção transiente é uma candidata interessante, pois opera com princípios simples enquanto permite observar por meio da absorção de estado excitado espécies que nem sempre podem ser vistas por técnicas de luminescência. Este trabalho tem como objetivo principal o estudo da dinâmica dos estados excitados de complexos beta-dicetonatos de terras raras do tipo [TR(L)3(L')n] e Q[TR(L)4] onde L representa os ligantes acetilacetona (acac) e tenoiltrufluoroacetona (tta), L': dibenzilsulfóxido (dbso), e fenantrolina (phen) e Q: tetrabutilamônio (Bu4N+) e 1-alquil-3-metilimidazólio (Cnmim+). Os compostos serão preparados, caracterizados e estudados por espectroscopia eletrônica no estado estacionário e transiente. Também será estudado a função dos ligantes auxiliares e contraíon na sensibilização do nível emissor por meio das técnicas resolvidas no tempo. A partir dessas técnicas, podemos obter dados experimentais cruciais que ainda não foram observados para o entendimento das transferências de energia, como taxas de cruzamento intersistema e tempos de vida do estado tripleto na presença de íons metálicos. Este trabalho será nova contribuição para o campo dos dispositivos conversores de luz que operam a partir da transferência de energia intramolecular. (AU)