Busca avançada
Ano de início
Entree

Sensor eletroquímico baseado em nanoporos de cobre e polímero molecularmente impresso para a determinação de xilobiose em casca e polpa de banana.

Processo: 21/02550-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2021
Vigência (Término): 31 de maio de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Nelson Ramos Stradiotto
Beneficiário:Mateus Paula da Silva
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/22401-8 - Fruto-refinaria: processos de obtenção, métodos de caracterização e geração de produtos oriundos de resíduos da fruticultura, AP.TEM
Assunto(s):Materiais nanoestruturados   Polímeros molecularmente impressos   Hidrólise enzimática   Sensores eletroquímicos   Eletroanalítica   Carbono vítreo   Banana   Métodos de análise

Resumo

A xilobiose é um xilooligossacarídeo de alto valor agregado que tem atraído o interesse do mercado alimentício, farmacêutico e de agronegócios, por auxiliar e modular o bom funcionamento do organismo humano, promovendo a saúde. A molécula pode ser obtida por hidrólise enzimática da casca e polpa de banana, proporcionando a estes resíduos maior relevância, fins mais econômicos, estratégicos e ambientalmente amigáveis. Neste contexto, a determinação da xilobiose torna-se interessante e fundamental para o processo de reaproveitamento de resíduos dentro de uma fruto-refinaria. Entre os métodos analíticos de determinação, os métodos eletroanalíticos vem nos últimos anos se destacando por apresentarem análises confiáveis, utilização de pequenos volumes de amostra, aplicação em matrizes complexas e portabilidade. Assim, este projeto visa a construção de um sensor eletroquímico modificado com nanomateriais para a determinação de xilobiose na casca e polpa de banana. Os sensores eletroquímicos modificados com nanomateriais, como os nanoporos metálicos, apresentam elevada área superficial, beneficiando o desempenho analítico por apresentarem alta sensibilidade, seletividade e rapidez na análise. Além disso, a construção de polímeros molecularmente impressos eletropolimerizados em superfícies nanoestruturadas, fornecem seletividade e baixos limites de detecção. Assim, neste trabalho, a xilobiose deverá ser determinada utilizando sensores voltamétricos constituídos por eletrodos de carbono vítreo modificados com nanoporos de cobre e polímeros moleculares impressos eletropolimerizados diretamente na superfície eletródica modificada.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)