Busca avançada
Ano de início
Entree

Impressão 3D de hidrogéis híbridos doadores de óxido nítrico ba-seados em poli(2-hidroxietil metacrilato) e polisilsesquioxano.

Processo: 20/16804-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 31 de julho de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Marcelo Ganzarolli de Oliveira
Beneficiário:Giovana Bosso Romano
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/02414-5 - Biomateriais absorvíveis e tópicos para a liberação localizada de óxido nítrico, AP.TEM
Assunto(s):Biomateriais   Hidrogéis   Impressão tridimensional   Óxido nítrico   Polímeros

Resumo

O presente projeto tem como propósito central o desenvolvimento de hidrogéis híbridos orgâni-co-inorgânicos que sejam doadores de óxido nítrico (NO), baseados em poli(2-hidroxietil meta-crilato) e polisilsesquioxano e produzidos por impressão 3D assistida por luz. A constatação da atuação do NO em diversos processos fisiológicos, incluindo a vasodilatação e a aceleração no processo de cicatrização motivam o desenvolvimento de hidrogéis que liberam NO de forma controlada e prolongada. Hidrogéis de PHEMA já são amplamente utilizados na área médica para a produção de lentes de contato. Hidrogéis de PHEMA capazes de liberar NO possuem potencial de aplicação tópica para aumentar a vasodilatação dérmica e acelerar o processo de cicatrização. A adição de grupos silsesquioxano a este material pode auxiliar no controle da liberação de NO, devido à formação de microambientes hidrofílicos e hidrofóbicos que permi-tem a dissolução de doadores de NO solúveis em água e a liberação mais lenta de NO a partir dos microambientes hidrofóbicos. Deste modo, os hidrogéis híbridos citados serão preparados a partir da hidrólise e condensação dos grupos trietóxisilil, quimicamente ligados a moléculas de 2-hidroxietil metacrilato, a fim de gerar nanoestruturas de silsesquioxano contendo grupos me-tacrilato na superfície. A análise das características físico-químicas dos materiais resultantes será obtida por ensaios de compressão e grau de intumescimento e a análise de sua morfologia se dará por microscopia eletrônica de varredura. Por fim, será incorporado S-nitroso glutationa (GSNO) nos hidrogéis híbridos, como doador de NO. As cinéticas de liberação de NO dada em tempo real será caracterizada por quimiluminescência.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)