Busca avançada
Ano de início
Entree

A influência da co-exposição de machos de Astyanax altiparanae ao cálcio e ao fármaco carbamazepina sobre a qualidade seminal

Processo: 20/14252-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Fisiologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Renata Guimarães Moreira Whitton
Beneficiário:Cecilia Bertacini de Assis
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ecotoxicologia   Reprodução

Resumo

Uma ampla variedade de poluentes químicos é encontrada no ecossistema aquático provenientes de ações antrópicas, como o descarte incorreto de medicamentos, além de lançamento de efluentes industriais e agrícolas. Dentre esses poluentes, destacam-se os fármacos, como a carbamazepina (CBZ), que é de interesse em estudos ecotoxicológicos, pois está presente nos corpos d'água em altas concentrações, e é resistente à biodegradação. A CBZ pode interferir na biologia dos organismos aquáticos alterando diversos processos biológicos, destacando-se a esteroidogênese gonadal e a espermatogênese, e assim interferindo nos parâmetros espermáticos, como morfologia, cinética e causando estresse oxidativo em espermatozoides de peixes. As características físico-químicas da água somada com a presença de poluentes podem influenciar na toxicidade dos fármacos aos organismos aquáticos, porém essa relação é pouco estudada. O cálcio, por exemplo, tem grande influência na fisiologia dos organismos, mas, somado a isso, pode modificar a biodisponibilidade e a toxicidade dos poluentes. Porém, não é compreendido se a presença do cálcio na água interfere na biodisponibilidade de CBZ e se a co-exposição entre ambos pode influenciar nos parâmetros espermáticos de peixes. Portanto, o objetivo do presente estudo é avaliar o efeito de diferentes concentrações ambientais de cálcio e de CBZ na água, bem como a co-exposição, na qualidade seminal de Astyanax altiparanae. Após a exposição dos machos à combinação de diferentes concentrações ambientais de cálcio e CBZ, serão avaliados os parâmetros de qualidade seminal, como pH, osmolalidade, concentração espermática, estresse oxidativo, morfologia e cinética espermáticas. Além disso, será quantificada as concentrações de cálcio e de CBZ no sêmen.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)