Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da regulação de Cav 2.2, das subunidades Cav±2´ e do envolvimento de receptores opióides na hipersensibilidade e hiperexcitabilidade neuronal da Neuralgia Herpética e Pós-Herpética experimental

Processo: 20/12120-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Geral
Pesquisador responsável:Camila Squarzoni Dale
Beneficiário:Heloísa Alonso Matielo
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Neurofisiologia   Dor neuropática   Receptores opioides   Hipersensibilidade   Neuralgia   Neuralgia pós-herpética   Nervo isquiático   Medula espinhal   Dor aguda   Canais de cálcio   Herpes Zoster   Modelos animais

Resumo

A Neuralgia Herpética (NH) e Pós-Herpética (NPH) caracterizam a dor do Herpes-Zóster, em queimação, dor espontânea, alodínia e hiperalgesia. Apesar da literatura indicar os processos inflamatório e neuropático como causas, os mecanismos descritos são ainda imprecisos, e modelos animais para o estudo da NH e NPH são incompletos acerca da sensibilização central e periférica no sistema nervoso. Gabapentinóides, ligantes de subunidades Cav±2´ em canais de cálcio ativados por alta voltagem, são a primeira linha de tratamento, caracterizando tais canais como possíveis alvos de regulação. Temos por objetivo avaliar o desenvolvimento de hipersensibilidade e mecanismos de regulação de canais Cav2.2, e das subunidades Cav±2´ no DRG, nervo isquiático e medula espinal em modelo de NH em camundongos, além de avaliar a dor em pacientes com NH e NPH e sua correlação com o perfil de fibras finas e canais Cav2.2. Camundongos C57BL/6 serão infectados com vírus herpes simplex e será avaliada a hipersensibilidade mecânica por filamentos de Von Frey. Será feito tratamento farmacológico com ziconotide, pregabalina e naloxona, bloqueador de Cav2.2, ligante das subunidades Cav±2´ e antagonista de receptores opióides, respectivamente; bem como avaliação da expressão dos mesmos por western blotting e RT-PCR. A influência de Cav2.2 e receptores MOR na excitabilidade celular será feita por eletrofisiologia em células ND7/23. Pacientes com NH e NPH serão avaliados por meio de questionários de rastreio de dor e qualidade de vida, e uma biópsia de pele será coletada para avaliação por imunofluorescência de fibras periféricas e Cav 2.2. Este projeto permitirá entender sobre os mecanismos associados à NH e NPH, ampliando possibilidades de tratamento. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)