Busca avançada
Ano de início
Entree

Equidade em saúde: diálogos entre teoria e prática enquanto construção da práxis

Processo: 21/06267-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 31 de maio de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Luciana Nogueira Fioroni
Beneficiário:Ana Júlia Nociti Lopes Fernandes
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Conhecimentos, atitudes e prática em saúde   Práxis   Equidade em saúde   Sistema Único de Saúde   Produção científica   Revisão sistemática

Resumo

A presente pesquisa visa aprofundar as percepções e concepções sobre Equidade em Saúde, atrelando teoria e prática na construção da práxis, já que entendemos que, até então, esse conceito possui pouca clareza na literatura e, ao mesmo tempo, por ser um princípio ético-político, tem grande potencial de impacto nas práticas profissionais e formulação de política públicas eficientes e embasadas na justiça social. Para tanto, entendemos esse princípio a partir da realidade concreta de construção do Sistema Único de Saúde e em um contexto de desmonte das políticas de saúde e de agravamento da pandemia de COVID-19 no Brasil. O objetivo geral será investigar, a partir de revisão sistemática e pesquisa empírica, o conceito de Equidade e suas interfaces com a Saúde Coletiva. Os objetivos específicos serão: (1) investigar como o conceito de Equidade é descrito na literatura científica disponível, a fim de compreender a partir de quais bases teóricas esse termo é entendido e suas aplicações no campo da saúde; (2) analisar como as produções científicas compreendem a relevância atual da Equidade enquanto princípio do SUS e (3) investigar as percepções e concepções de especialistas sobre o conceito de Equidade. Visando atingir esses objetivos, serão realizadas uma revisão sistemática de metassíntese na base de dados LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde), por ser considerada como fonte de grande relevância de materiais produzidos na América, e roteiros de entrevistas semi-estruturadas na forma de formulário online com professores do Programa de Pós-Graduação em Gestão da Clínica da Universidade Federal de São Carlos (PPGGC-UFSCar), a partir de uma perspectiva crítica-dialética e hermenêutica. O processo de metassíntese será realizado em 6 etapas: (1) organização da equipe e definição de objetivos e quadro teórico; (2) definição de critérios de inclusão e exclusão, avaliação da qualidade dos estudos, seleção e organização; (3) meta-análise, ou abordagem hermenêutica e didática e agrupamento de dados; (4) meta-método, ou comparação de modelos de investigação, metodologia dos estudos e avaliação dos padrões emergentes; (5) meta-teoria, ou análise dos estudos e das implicações e orientações teóricas e desenvolvimento da teoria; e, por fim, (6) desconstrução das ideias presentes sobre o fenômeno e compreensão teórica (SOUSA, BRANCO, 2013), enquanto as respostas ao formulário serão compreendidas a partir da técnica de Análise de Conteúdo proposta por Minayo (2014). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)