Busca avançada
Ano de início
Entree

Campinas martirizada: uma genealogia das cidades violentas

Processo: 21/05741-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2021
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Urbana
Pesquisador responsável:Susana Soares Branco Durão
Beneficiário:Paola Daniela Argentin
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Segurança

Resumo

A morte de Antônio da Costa Santos, prefeito de Campinas eleito em 2000 e assassinado em2001, nunca foi resolvida. Por isso, suscitou narrativas de teias de envolvimentos políticos ecriminais que poderiam ter culminado no misterioso e inconcluso assassinato. Com um mártirna cidade, que morre em plena gestão, o crime parece se converter em um conto moral queleva Campinas a se (re)pensar e produzir diagnósticos sobre si mesma: sobre suas múltiplasviolências urbanas, as relações corruptas, as intersecções de toda ordem entre polícia, políticae poder, administração pública e crime organizado. Para este projeto, interessa aprofundar eestudar o que pode ser lido como um conto moral urbano (DURÃO & COELHO, 2013): anarrativa da cidade perigosa que precisa, a qualquer custo, ser segurada. Parto dasrepercussões desse caso central na cidade como hipótese de relações de governamentalidadesopacas que envolvem agentes da segurança e outros produtores da cidade violenta(FOUCAULT, 1984). Este projeto busca fazer uma genealogia do conto moral e das atuaçõesmateriais na cidade violenta que se originam a partir deste e de outros eventos disruptivos,que envolvem violências urbanas, mecanismos de poder e agenciamentos da segurançaoperando a um só tempo (idem, 2014 [1988]). O objetivo central deste projeto é, portanto,partir das repercussões, histórias e documentais do assassinato do prefeito para recuperar alógica das redes de poder ao nível municipal, na segurança pública e privada, para entender apaixão da segurança urbana e suas obscuras teias no presente. O projeto prevê contribuiroriginalmente para os estudos sobre segurança e ilegalidades complementando esta visão comaportes da antropologia política, etnografia do policiamento e história urbana. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)