Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil de receptores de TNF-alfa expressos em linfócitos CD4+ Th17 no sangue periférico de gestantes portadoras de pré-eclâmpsia

Processo: 21/12564-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2022
Vigência (Término): 31 de agosto de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Maria Terezinha Serrão Peraçoli
Beneficiário:Patrícia Braga da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Gestantes   Pré-eclâmpsia   Células Th17   Fator de necrose tumoral alfa   Sangue periférico   Imunologia   Reprodução humana

Resumo

Gestantes portadoras de pré-eclâmpsia (PE) apresentam desvio da resposta imune para perfil inflamatório, resultante de ativação endógena de células da imunidade inata e adaptativa. A ativação de monócitos do sangue periférico, com produção exacerbada de citocinas inflamatórias como o TNF-± e outros mediadores inflamatórios pode causar ativação de células da imunidade adaptativa, gerando células T CD4+ inflamatórias e diminuição na produção de citocinas anti-inflamatórias. O TNF-± pode exercer diferentes efeitos funcionais sobre as subpopulações linfócitos T CD4+ através da interação com os receptores TNFR1 e TNFR2. A ligação de TNF-± a esses dois receptores ativa diferentes vias de sinalização. O TNFR1 induz morte celular por apoptose ou necrose e é também importante para o desenvolvimento de células T efetoras inflamatórias, enquanto o TNFR2 é preferencialmente expresso por células T reguladoras (Treg). Já é conhecido que na PE a resposta de linfócitos T está desviada para perfil inflamatório Th1 e Th17 em detrimento de perfil regulador, podendo esse balanço entre células Treg e Th17 ser crítico para a tolerância ao feto e para a prevenção da doença. O presente projeto tem por objetivo determinar a expressão de receptores de fator de necrose tumoral-± (TNFR1 e TNFR2) em células CD4+ Th17 de sangue periférico e sua associação com níveis plasmáticos de TNF-± e da forma solúvel desses receptores em gestantes portadoras de PE. Serão avaliadas 40 gestantes, sendo 20 portadoras de PE e 20 normotensas, pareadas pela idade gestacional. O sangue coletado dessas gestantes será centrifugado, o plasma separado e armazenado à -80°C para dosagem de TNF-±, e dos receptores solúveis TNFR1 e TNFR2 pela técnica de ELISA. Serão avaliadas a concentração de células CD4+ Th17 pela expressão do fator de transcrição ROR³t, a expressão dos receptores de TNF-± (TNFR1 e TNFR2) nessa subpopulação e a expressão intracitoplasmática de IL-17A por citometria de fluxo, empregando-se anticorpos monoclonais específicos, marcados com fluorocromos logo após a coleta do sangue (expressão endógena). Os resultados serão analisados por meio de testes paramétricos ou não-paramétricos com nível de significância de 5%. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)