Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de estratégias inovadoras para aplicação de carotenoides e clorofilas de microalgas como pigmentos naturais em alimentos funcionais

Processo: 21/13567-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2022
Vigência (Término): 30 de abril de 2024
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Veridiana Vera de Rosso
Beneficiário:Andrêssa Silva Fernandes
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Assunto(s):Biodisponibilidade   Impressão tridimensional   Líquidos iônicos   Microalgas   Corantes naturais

Resumo

Globalmente, os desafios alimentares para as próximas décadas são bastante complexos e vão além do conceito estrito de saudabilidade das dietas. A adoção de hábitos alimentares para promoção de boa saúde e qualidade de vida, atrelada a sustentabilidade para o planeta serão norteadoras das políticas públicas em nível mundial. Nesta perspectiva, a busca por alternativas aos constituintes alimentares sintéticos tem se tornado iminente e coloca em ascensão os corantes naturais como alternativas promissoras. Para alcançar estes objetivos, estratégias inovadoras devem ser traçadas visando ampla aplicação de corantes naturais de maneira efetiva na formulação de alimentos, com a finalidade de manter a estabilidade da cor e suas propriedades biológicas. O desenvolvimento de métodos de extração mais sustentáveis em substituição aos convencionais solventes orgânicos voláteis e a busca por fontes alternativas de biomassa para obtenção de pigmentos naturais são fortes tendências. Neste contexto, as microalgas podem corroborar e se posicionar com sucesso para produção de bioprodutos valiosos, entre os quais os fitoquímicos carotenoides e clorofilas são destacados. Estes compostos têm atraído o interesse em diversas áreas das indústrias farmacêutica, cosmética e de alimentos, principalmente no desenvolvimento de produtos com propriedades funcionais e nutracêuticas. Visando todos estes aspectos, este projeto tem como proposta obter extratos de carotenoides e clorofilas a partir das microalgas Scenedesmus obliquus e Chlorella vulgaris para aplicação como pigmentos naturais e compostos funcionais. Objetiva-se desenvolver métodos de alta performance para extração simultânea de pigmentos, com uma abordagem de química verde por meio da utilização de líquidos iônico (LIs). Para isso serão testados quatro LIs, dois de origem comercial e dois sintetizados em laboratório. Os métodos de extração serão otimizados visando o reuso e recuperação dos LIs. A caracterização quali e quantitativa dos extratos será realizada por HPLC-PAD-MS/MS. Adicionalmente, este projeto visa compreender de maneira ampla as propriedades de carotenoides e clorofilas quando incorporados em nanoestruturas e fazendo parte da constituição de biotintas para impressão 3D de alimentos. Também serão avaliadas propriedades físico-químicas, características funcionais e nutricionais das nanoestruturas e das biotintas de produtos bioimpressos por meio de análises de atividade antioxidante, bioacessibilidade e uptake em modelo celular (CACO2).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)