Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da reabilitação intensiva na função motora grossa de crianças com acidente vascular cerebral perinatal

Processo: 22/04750-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 08 de julho de 2022
Vigência (Término): 24 de agosto de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Ana Carolina de Campos
Beneficiário:Pedro Bittencourt de Oliveira
Supervisor: Jill C. Heathcock
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa: Ohio State University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:21/03207-1 - Serviços de fisioterapia durante a pandemia de COVID-19: experiências das famílias de crianças e adolescentes com deficiências físicas, BP.IC
Assunto(s):Pediatria   Reabilitação   Acidente vascular cerebral   Atividade motora   Lactentes   Crianças
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:AVC perinatal | Reabilitação | treinamento intensivo | Fisioterapia Neuropediátrica

Resumo

Compreender a dosagem adequada das intervenções de reabilitação é relevante para promover os melhores resultados e facilitar o envolvimento da família na reabilitação pediátrica. Este projeto faz parte de um estudo multicêntrico em andamento, no qual a Ohio State University está incluída, além de ser o núcleo de avaliação. O objetivo deste projeto maior é determinar a eficácia de duas dosagens diferentes de uma reabilitação infantil intensiva com terapia de contensão induzida (TCI) em crianças com acidente vascular cerebral perinatal com idades entre 8 e 36 meses em uma variedade de resultados. O objetivo específico desta proposta é descrever a função motora grossa em lactentes que recebem tratamento intensivo ou não. Métodos: 240 lactentes serão recrutados e aleatoriamente designados para receber uma dose alta de CIMT (6 horas/dia, 5 dias/semana x 4 semanas), uma dose moderada (3 horas/dia, 5 dias/semana x 4 semanas) ou Cuidados usuais. Iremos comparar os escores do Gross Motor Function Measure (GMFM-88) antes e após as intervenções. Resultados esperados: Os resultados deste estudo irão avançar o conhecimento sobre intervenções eficazes de reabilitação para crianças pequenas com deficiência. O candidato aprenderá novos métodos de avaliação e reabilitação usados no Infant Lab da Ohio State, que contribuirão para seu treinamento e fortalecerão as colaborações de pesquisa entre as instituições. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)