Busca avançada
Ano de início
Entree

MicroRNAs regulados pelo treinamento físico como potenciais biomarcadores e terapêuticos da cardiotoxicidade induzida pela doxorrubicina no Câncer de Mama: estudo in vivo, in vitro em cardiomiócitos derivados de iPS e clínico com análise em pacientes

Processo: 22/02339-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2022
Vigência (Término): 31 de agosto de 2025
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Edilamar Menezes de Oliveira
Beneficiário:Alex Cleber Improta Caria
Instituição Sede: Escola de Educação Física e Esporte (EEFE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Fisiologia cardiovascular   Cardiotoxicidade   Inflamação   Apoptose   Treinamento físico   Treinamento aeróbio   Doxorrubicina   MicroRNAs   Neoplasias mamárias   Modelos animais
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Câncer de mama | cardiotoxicidade | Doxorrubicina | MicroRNAs | treinamento físico | Fisiologia Cardiovascular

Resumo

Cardiotoxicidade promove aumento de espécies reativas de oxigênio, inflamação, apoptose, fibrose cardíaca, e estes continuam sendo os principais problemas no tratamento de pacientes oncológicos que utilizam doxorrubicina. Estes processos associados induzem disfunção miocárdica, diminuindo a fração de ejeção do ventrículo esquerdo, gerando em longo prazo a insuficiência cardíaca. Alguns tratamentos têm sido descritos como atenuadores destes processos, incluindo o treinamento físico. Evidências apontam que treinamento físico pode inibir a cardiotoxicidade induzida por doxorrubicina, reduzindo a produção de espécies reativas de oxigênio, minimizando a expressão de marcadores pró-apoptóticos e pró-inflamatórios, reduzindo a fibrose cardíaca, bem como prevenindo atrofia cardiopulmonar, aumentando a capacidade aeróbia e de realização do esforço físico, além de atenuar o crescimento tumoral. Entretanto, os mecanismos moleculares que regem estes benefícios induzidos pelo treinamento físico neste contexto, permanecem amplamente desconhecidos, principalmente mecanismos associados aos microRNAs, seus genes-alvo e vias de sinalização. Assim, propomos investigar os efeitos do treinamento físico aeróbio na modulação de microRNAs em modelo animal de Câncer de Mama tratados com doxorrubicina, para a identificação de microRNAs como biomarcadores e validação de uma via de sinalização associada à cardiotoxicidade, inflamação e apoptose, que pode ser alterada de forma benéfica pelo treinamento físico. Posteriormente, o microRNA que foi alterado beneficamente pelo treinamento físico será modulado in vitro em cardiomiócitos derivados de células-tronco pluripotentes induzidas humanas e também analisado no sangue periférico de pacientes com câncer de mama tratadas com doxorrubicina. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GUILHERME DE ANDRADE COSTA; JAMARY OLIVEIRA FILHO; LUANA FERREIRA-CAMPOS; ALEX CLEBER IMPROTA-CARIA; CRISTIANO MACEDO; MARCELO VINCENZO SARNO FILHO; LEONARDO SILVA ROEVER BORGES; ROQUE ARAS JÚNIOR. Stroke Is Associated with Refractory Hypertension among Resistant and Refractory Patients in a Cross-Sectional Study. International Journal of Cardiovascular Sciences, v. 36, . (22/02339-4)
SANTOS, PEDRO HENRIQUE SILVA; RODRIGUES, LUIS FELIPE; IMPROTA-CARIA, ALEX CLEBER; VOLTARELLI, VANESSA AZEVEDO. Metabolic adaptations in McArdle's disease and its mechanisms. JOURNAL OF PHYSIOLOGY-LONDON, v. N/A, p. 2-pg., . (22/02339-4, 21/06229-6)
IMPROTA-CARIA, ALEX C.; SOCI, URSULA P. R.; RODRIGUES, LUIS F.; FERNANDES, TIAGO; OLIVEIRA, EDILAMAR M.. MicroRNAs regulating pathophysiological processes in obesity: the impact of exercise training. CURRENT OPINION IN PHYSIOLOGY, v. 33, p. 7-pg., . (18/22579-4, 22/00531-5, 15/22814-5, 21/06229-6, 22/02339-4)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.