Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade metabólica de anuros no contexto das interações simbióticas usando abordagens ômicas integrativas

Processo: 22/01073-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2022
Vigência (Término): 31 de julho de 2024
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Norberto Peporine Lopes
Beneficiário:Ana Caroline Zanatta Silva
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:20/02207-5 - Inventariando o metabolismo secundário através da metabolômica: contribuição para a valoração da biodiversidade brasileira, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Produtos naturais   Ecologia química   Metabolômica   Metagenômica   Anura   Interações entre hospedeiro e microrganismos   Conservação da biodiversidade   Mata Atlântica
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:anuros | Ecologia Química | interação anfíbio-microrganismo | Metabolomica | metagenômica | Produtos naturais

Resumo

A Mata Atlântica é um dos biomas mais ameaçados pela constante perturbação humana. Os anfíbios estão entre os organismos mais afetados pelas mudanças nos ecossistemas, sofrendo sérios declínios populacionais devido tanto à ação antropogênica quanto às diferentes doenças como a causada pelo fungo patógeno Batrachochytrium dendrobatidis (Bd). Entretanto, sabe-se que as bactérias associadas à pele de certos anuros (sapos, pererecas e rãs) são capazes de produzir metabólitos que podem suprimir o crescimento do fungo Bd. Por outro lado, e considerando uma perspectiva ecológica abrangente, estudos recentes reconhecem a relevância de diferentes fatores nas relações simbióticas anfíbio-microrganismo que afetam o metaboloma da interação. Por exemplo, os ácidos biliares são produzidos pelos vertebrados com importantes funções fisiológicas na absorção, transporte e armazenamento de substâncias da dieta, os quais podem ser modificados pelos microrganismos intestinais e atuar regulando o equilíbrio do microbioma. Nesse contexto, a proposta do projeto envolve uma abordagem holística multidisciplinar, pois procura vincular a prospecção do metabolismo secundário dos microrganismos e do hospedeiro com as características funcionais e seus efeitos levando em consideração características taxonômicas e biológicas, assim como o efeito antrópico de diferentes áreas de Mata Atlântica. Dentre as possíveis estratégias, propomos empregar combinações de tecnologias multi-ômicas para revelar a função, estrutura e vias reguladoras de diferentes metabólitos presentes na pele e no sistema digestivo de algumas espécies de anuros. Assim, esses estudos podem ajudar a enriquecer a discussão sobre a diversidade química dos anuros e as suas interações com outros organismos, contribuindo para futuros estudos sobre bioprospecção e conservação da biodiversidade da Mata Atlântica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)