Busca avançada
Ano de início
Entree

Negociando direito das mulheres nas Nações Unidas: uma história diplomática transnacional da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher (1974-1979)

Processo: 22/10905-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2022
Vigência (Término): 30 de setembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Política Internacional
Pesquisador responsável:Felipe Pereira Loureiro
Beneficiário:Natali Francine Cinelli Moreira
Supervisor: Barbara Zanchetta
Instituição Sede: Instituto de Relações Internacionais (IRI). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: King's College London, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:20/12224-4 - Negociando direitos das mulheres na Guerra Fria Latino-Americana: Argentina, Chile e Estados Unidos e as origens da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher (1974-1979), BP.DR
Assunto(s):Relações internacionais   Discriminação social   Violência contra a mulher   Direitos da mulher   Organização das Nações Unidas (ONU)
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Cedaw | Cold War | Feminisms | transnational history | United Nations | Relações Internacionais

Resumo

Esta pesquisa propõe-se a compreender como disputas políticas e relações de poder influenciaram as negociações da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher (CEDAW ou Convenção), de 1974 a 1979. A literatura há muito debate como estruturas políticas e de poder moldaram a agenda de direito das mulheres na Organização das Nações Unidas ao longo dos anos 1970. No entanto, há uma grande lacuna dentre esses estudos com relação às negociações da CEDAW. Em busca de hegemonia cultural no contexto da Guerra Fria, os Estados Unidos e a União Soviética apoiavam-se na condição da mulher como uma medida de progresso e superioridade nacional. É, portanto, surpreendente que a literatura tenha abordado de forma tão superficial o impacto que relações políticas e de poder causaram nas negociações da Convenção. Com foco na experiência norte-Americana, propõe-se: (i) identificar os principais atores governamentais e não governamentais envolvidos nas negociações da Convenção; (ii) entender como eles interagiram entre si dentro da estrutura das Nações Unidas, do governo e de suas organizações; e (iii) discutir as complexas tensões políticas e disputas de poder - nacionais e internacionais - que influenciaram as negociações. Para tanto, conduzir-se-á pesquisa em diversos arquivos públicos e privados localizados nos Estados Unidos, Reino Unido, Holanda e Suíça. Utilizar-se-á como ferramentas metodológicas a perspectiva feminista do direito internacional, bem como as perspectivas transnacional e evento-estrutura da história. Ao final, propõe-se uma melhor compreensão sobre as origens políticas da CEDAW. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)